Zea Maïs

Endereço: Rua Barao de Rio Branco , 354 , Centro - Curitiba , PR - Brasil

Telefone:

3232-3988

Clique para ver
Categoria:

Restaurantes Contemporâneo

  | Rank: 5º de 30
Preço por pessoa

Site oficial
zeamais.com.br
Bom para
Encontros românticos, Vinho

Primeira opinião
Luana M.
Formas de pagamento
Crédito:
Débito:

cash, credit card, debit card
Horário de funcionamento
Seg.
19:45 - 0h
Ter.
19:45 - 0h
Qua.
19:45 - 0h
Qui.
19:45 - 0h
Sex.
19:45 - 0:30
Sáb.
19:45 - 0:30
Dom.
19:45 - 0h


Detalhes
  • Aceita reservas
  • Proibido fumar
  • Estacionamento: gratuito


Como chegar
Salvar favorito
Reportar problema
Sou dono
Escrever opinião
Como chegar - Traçar rota

  • Cadastro

http://br.kekanto.com/como-chegar/zea-mais
Notas específicas:
Ambiente
(23)
Comida
(23)
Atendimento
(23)
Bebida
(21)
Custo-benefício
(20)
Dicas
Castelo de chocolate
Chay
O restaurante é cheio. Se chegar um pouco antes peça para esperar no loby do hotel, ao lado do restaurante... é muito aconchegante.
Fernanda A.
Ótimo para ir a dois!
Gustavo H.
Fazer reserva antes de ir, pois o restaurante é bem pequeno.
simone
Capriche na pimenta
TiN™ D.
Ver mais
Opiniões
Um restaurante noturno, requintado com ambiente tranquilo, já ganhou vários prêmios pela bom gourmet e veja Curtiba.
Fica um pouco escondido na Barão e não tem estacionamento próprio, mas o serviço de valet é ótimo.

No comando da cozinha a querida Joy e o cardápio assinado pelo renomado Chef Celso Freire, já imaginou as delícias que pode encontrar por lá?!
As opções do menu são para duas pessoas, exceto algumas sobremesas, e não tem sugestões conjuntas de entrada, prato principal e sobremesa por um valor X, cada prato tem seu valor.
Pros amantes de vinhos, a carta é satisfatória. Além disso tem alguns drinks, sucos naturais e refrigerantes.

Apesar do grande movimento o atendimento é super bom, desde a recepção até o pagamento da conta. E eles oferecem uma salinha de espera super aconchegante.

Uma dica preciosa: Prepare o bolso.
Eu e meu marido gostamos muito! Excelente atendimento e delicia de pratos! O Ambiente TEM decoração bem moderna e escurinho deixando o ambiente mais romântico, porem as cadeiras e mesas não são muito confortáveis! Pratos de deliciosos! Pedimos de entrada espetinho de pera, Siri na toca e crepe de abobrinha: Deliciosos!
Destaque especial par a ESCOLHA da Música Ambiente.
Já faz algum tempo que fui ao Zea Maïs, mas não poderia deixar de comentar a ótima experiência que tive no restaurante. Localizado na Rua Barão do Rio Branco (que, aos poucos, está ganhando uma repaginada), por fora dá a impressão de ser um lugar "pomposo", mas a grande surpresa ao entrar é ver um ambiente cool e moderno, com boa música e bem descontraído, a começar pelo figurino dos garçons. A comida é um show a parte, mas prepare-se para comer com qualidade, e não em quantidade. As porções são na medida certa ou pequenas, porém conheço pessoas que certamente reclamariam. O que é vale é experimentar e curtir um bom jantar. Quando fui, comi um excelente camarão com cuscuz, e uma sobremesa que parecia uma "torre", bem alta e diferente.

É um restaurante mais caro que a média, só que o gasto vale o ambiente, a refeição, o momento.
Em outubro de 2011 tivemos mais um Restaurant Week em Curitiba. Optamos em ir a um endereço bastante concorrido, para não correr o risco de não conseguir reservas num momento posterior (isso aconteceu em outras edições). Fomos ao Zea Maïs, indicado, por diversas vezes, como o melhor contemporâneo da cidade. O proprietário é Celso Freire, badalado (merecidamente, por sua trajetória) chef de cozinha paranaense. A chef executiva é Joe Perini (também reconhecida e premiada). Claro que a expectativa era grande. Comentários de amigos colocam a casa como uma das melhores da cidade. Bem, a localização é central (a Barão está sendo revitalizada com a gastronomia da região). O serviço de vallet é eficiente. Chegamos e fomos logo conduzidos ao interior do restaurante.
O ambiente é sofisticado, mescla a estrutura arquitetônica antiga do casarão que abriga o estabelecimento (o espaço é compartilhado com o Hotel San Juan Johnscher) com decoração contemporâneo. O resultado é interessante e charmoso.
A equipe de salão é composta por jovens até que simpáticos, mas que pareceu-nos não estarem suficientemente treinados. A proposta de atendimento lembrou-me a utilizada em algumas casas visitadas em Buenos Aires (inclusive no uniforme, composto por camiseta, calça e tênis). Em terras portenhas a proposta descontraída no contato com o público mantinha a qualidade no serviço.
Estava com certa preocupação nesta quarta edição do evento. Em temporadas anteriores, enfrentamos filas (mesmo com reservas), cardápios não muito bem elaborados, serviço demorado e atraso nos pratos.
Mas é sempre muito bem vindo este tipo de iniciativa. Claro que vale conferir, por isso mesmo fomos e iremos em mais restaurantes. Evidente que a cada edição o Restaurant Week tende a evoluir e melhorar.
Cardápio:
Entrada: Vichyssoise Clássica com Defumado Crocante. Excelente aroma, tempero acentuado.
Prato principal: Cubos de Peito de Frango em Molho de Curry com Batata Doce e Arroz Indiano. Toque asiático em prato regular.
Sobremesa: Crepe Tropical de Abacaxi com Hortelã
Sobremesa ótima, saborosíssima, na medida. Bela apresentação, aroma delicioso, sabor singular.
Foi na sobremesa, finalização da refeição, que constatei a singularidade que a casa traz em seu conceito (vide site zea maïs).

Esperava mais da refeição como um todo, não somente apreciar a sobremesa. Atendimento comprometeu muito. O valor da conta (apesar de ser em período de RW) foi alto.

Estive no Zea Mais com meu marido durante o Restaurante Week 2013.
O restaurante é bem decorado. Achei a música um pouco alta. Os garçons não são muito atenciosos. Pedimos uma bebida e toda hora tinha que pedir para repor. Faria isso sozinha sem nenhum problema, mas a garrafa ficou no balcão central do restaurante. Tivemos que pedir o prato duas vezes, a bebida pedimos para dois garçons, pois um atendeu o pedido mas deixou a garrafa no balde e esqueceu de nos servir.Achei que não há uma comunicação eficiente entre os eles.
A comida estava saborosa, mas nada de excepcional.
As criações da dupla de chefs Joy Perine e Celso Freire estão no menu degustação (R$ 120,00 por pessoa), composto de três entradas, dois pratos e uma seleção de sobremesas. Nessa escolha, o cliente pode provar, por exemplo, a paleta de javali assada com especiarias. Parece caro, não? Mas então pelo menos vá conhecer o local, que é único em Curitiba, tome um vinho, peça o couvert e vá embora...

Mas há outras opções à la carte: o siri na toca (R$ 25,80), que é uma entrada feita de massa crocante, siri e molho de cachaça e limão-siciliano, e o escalope de atum com foie gras, vagem francesa, rúcula e tomate marinado (R$ 49,80). Suficiente para duas pessoas, a sobremesa croquembouche branco e preto (R$ 35,80) traz profiterólis com creme de confeiteiro acompanhados de sorvete de creme e calda de caramelo crocante.

http://www.zeamais.com.br
Para quem já esteve em NY, é impossível entrar no Zea Mais e não se recordar dos restaurantes hype da Big Apple.... com certeza o melhor exemplar de arquitetura chique e contemporânea entre os restaurantes de Curitiba.

Estive lá acompanhada de dois DJs profissionais, um deles bem famoso e respeitado dentro da vertente deep house (aquela mais "devagar", "calminha"); ambos adoraram o som ambiente, que ia de disco a sexy lounge. Além da agradável soundtrack, a iluminação e a decoração minimal chic criam um ambiente sensual e elegantes na medida. Um mural de vidro negro com inscrições (?) em amarelo no fundo do salão chama a atenção daqueles interessado em arte.

Pessoas bem vestidas compõem a clientela que frequentam o local tanto em casais como em grupos de amigos (inicialmente eu ia em 6 pessoas). Nos fins de semana o local é bem concorrido, especialmente a partir das 21:00, e, uma vez que o restaurante não dispõe de muitas mesas, o indicado é fazer reserva com antecedência.

A comida é definitivamente uma experiência gastronômica! O cardápio é rico e variado, perfeito para quem adora inovar na escolha de pratos e combinações dos ingredientes . Escolher é uma tarefa árdua com tantas opções convidativas (peixes, carnes, massas...). Impossível resistir as entradas! A carta de vinhos é extensa e oferece rótulos de diversos preços, no entanto ficamos só na água.

De entrada pedi "siri na toca" (uma espécie de casquinha crocante em forma de cone recheado com carne de siri) e como prato principal uma posta de atum com patê de foie gras e tomates cereja. Sou muito exigente com peixes e frutos do mar em geral, e ambos estavam divino! O atum veio no ponto exato (a crosta torrada e o miolo vermelho) e o siri estava muito bem temperado. Não pedi sobremesa mas pela descrição pareciam deliciosas...

A conta é bem salgada mas vale pelo q servem. O vallet é gratuito.
O Zea Mais é meu restaurante preferido! Cada vez que vou jantar lá passo a gostar ainda mais.
O que mais me agrada é que ele agrega a sofisticação da arquitetura, a gastronomia surpreendente e o atendimento jovem e descontraído (sem cair no papo de garçom amigão!)

Entre os meus pratos favoritos estão:
* entrada: ESPETINHO DE PERA COM QUEIJO CAMEMBERT AO FORNO, FOLHAS VERDES E NOZ PECAN. R$ 27,80 A  pera  é glaceada  e o queijo  empanado - aquecidos ficam mais saborosos.
(já tive vontade de pedir 3 entradas dessa de uma vez, e partir pra sobremesa!)
* PEIXE COM FALSA ESCAMA DE AMÊNDOAS E RAVIOLI DE ERVAS  .  R$ 49,80
(prato levíssimo, delicioso, para o verão)
* FILET MIGNON GRELHADO, GLACEADO COM BALSÂMICO MASTROIANI E POLENTA DE PARMESÃO  .  R$ 42,80
(é o clássico do restaurante, perfeito para uma noite de inverno curitibano)
* CROQUEMBOUCHE BRANCO E PRETO.  R$39,80 - profiterolis com creme de confeiteiro e sorvete, cobertos com caramelo crocante
(é uma sobremesa para um casal se fartar! literalmente uma "montanha" de profiterolis! é impossível disfarçar a cara de satisfação infantil ao comer essa maravilha)

Costumamos pedir o vinho Nederburg Pinotage da África do Sul, que nos foi indicado pelo sommelier na primeira vez em que estivemos lá. É um excelente custo benefício e vai bem com a maioria dos pratos, porque é um ultra coringa.
Sempre escolhemos um restaurante especial para comemorar o nosso aniversário de casamento. O último selecionado foi o Zea Maïs. Duas curiosidades sobre o restaurante. Primeiro que fica numa região histórica (Barão do Rio Branco, a antiga Rua da Liberdade, por muito tempo, a rua mais importante de Curitiba), no prédio do Hotel Johnschter, uma construção eclética do início do século XX, restaurada em 2002, considerado pelo patrimônio histórico da prefeitura de Curitiba como uma UIP (Unidade de Interesse de Preservação). A outra curiosidade é que toda a equipe de chefs (liderada por Joy Perine) é formada somente por mulheres! A comida é contemporânea e excelente e o ambiente, aconchegante com uma decoração muito bonita.
Um dos melhores restaurantes de Curitiba.
Ao menos uma vez você tem de mexer no bolso e experimentar.
O restaurantes fica localizado no Johnscher hotel - há uma parceria entre os dois - um hotel conceito muito charmoso no centro velho da cidade.
O ambiente é bem moderno e aconchegante, com um bar bem no meio do espaço.
Requer reservas ou uma longa espera.
Os pratos são pequenos, mas deliciosos. O cardápio é bem variado e completo, assim como a carta de vinhos.
Excelente para casais que compõem 80% do movimento. Os outros 20% são de mesas dos artistas globais que, em turnê por Curitiba, estão sempre por lá.
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 27

Nota geral Você conhece o Zea Maïs? Escreva uma opinião! Dê sua nota!
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)