Tubaína Bar

Endereço: Rua Haddock Lobo, 74 , Consolação - São Paulo , SP - Brasil

Telefone:

11 3129-49...

Clique para ver
Categoria:

Bares e Pubs

  | Rank: 15º de 1287

Localizado bem no coração do Baixo Augusta, o Tubaína é humor, tradição e ao mesmo tempo modernidade. 

Preço por pessoa
$$$$ (De R$26 até R$50)

Site oficial
tubainabar.com.br
Bom para
Drinques, Happy hour, Cerveja

Primeira opinião
Claudia Yamashiro
Formas de pagamento
Crédito:
Débito:

cash, credit card, debit card
Horário de funcionamento
Seg.
18h - 0h
Ter.
18h - 0h
Qua.
18h - 0h
Qui.
18h - 0h
Sex.
18h - 2h
Sáb.
18h - 2h


Detalhes
  • Acesso para deficientes
  • Ar condicionado
  • Aceita reservas
  • Mesas ao ar livre
  • 500 lugares
  • Proibido fumar
  • Comanda individual
  • Wi-fi: livre
  • Couvert artístico: r$29,00
  • Música: seg a seg
  • Entrada: r$30,00
  • Estacionamento: r$5,00


Enviar foto
Como chegar
Salvar favorito
Reportar problema
Escrever opinião
Como chegar - Traçar rota

  • Lugares parecidos
  • Contato
  • Cadastro

http://br.kekanto.com/como-chegar/tubaina-bar
Notas específicas:
Ambiente
(57)
Comida
(53)
Público
(50)
Atendimento
(57)
Bebida
(56)
Custo-benefício
(47)
Dicas
Sanduba de Pernil!
Victor A.
Reserve se possível, peça a coxinha de feijão, penne ao pesto, brigadeiro de palito
Evy M.
O melhor de tudo são os próprios refrigerantes.
Pedro S.
Guaraná Jesus
Janaina P.
Coma a coxinha de feijão!
Verônica N.
Ver mais
Opiniões
Fui encontrar uma grande amiga que não via há tempos e resolvemos aproveitar para conhecer o Tubaína, famoso por suas ótimas recomendações e iguarias. Não fizemos reserva e demos muita sorte, pois quando chegamos só havia uma mesa (daquelas de bar, com cadeiras altas) disponível, ao lado da escada; não era o lugar mais confortável, mas tudo bem. Fomos informadas que a consumação mínima é de R$ 25.

A decoração já de cara é o que mais chama atenção e é o que mais agrada: tudo no estilo retrô, meio brega, meio bom gosto, adoramos. O estabelecimento é o primeiro bar com o selo de restaurante sustentável e reutiliza materiais para criar o ambiente retrô. Possui também opções veganas no cardápio.

Iniciamos os trabalhos com uma porção mix de degustação que contém: 2 bolinhos caipiras, 2 coxinhas de feijão e 2 bolinhos de frango (acho que é isso). Eles foram servidos em um saleiro antigo, daqueles de caixinha que tem na casa da vó, uma graça!

Os bolinhos caipiras eram bons, porém o verdadeiro bolinho caipira que conhecemos (o do Vale do Paraíba) é feito de carne e não de frango. As coxinhas de feijão eram a novidade e são maravilhosas, recomendo. Mas o bolinho de frango não me agradou. Havia mais ervilhas e queijo do que frango, não consegui definir o sabor de quase nada. Achei as unidades muito pequenas para o preço de cobram, sacanagem (se eu não me engano a porção sai por R$ 23,00).

Para beber ficamos perdidas com a infinidade de drinks exóticos da casa; alguns deles são feitos com as diversas tubaínas que a casa oferece. Minha amiga escolheu o Jaspion (com vodka) e eu fiquei com o Maçã do Amor (com cachaça). Ambos são ótimos, mas o meu foi ficando bem doce no final. A casa tem também alguns dos refrigerantes mais famosos e diferentes do Brasil, como o Guaraná Jesus (do Maranhão), o Guaraná Baré (de Manaus) e a própria Tubaína de diversos tipos e lugares.

Como a porção não forrou nem um décimo do nosso estômago, pedimos uma porção de linguiça crioula (R$ 30), que demorou uma vida pra chegar. Essa sim foi uma porção farta e deliciosa, com tomates, cebola roxa e limão, e pãezinhos. Pedimos também 2 chopps Bamberg (R$ 6,90 cada).

Por fim, consideramos que o Tubaína é um ótimo lugar para experimentar coisas diferentes, mas deve-se estar preparado quando a conta salgada chegar à mesa: gastamos R$ 116 e não saímos de lá completamente satisfeitas (ou "estufadas"). Se um dia eu voltar será pelas coxinhas e pela linguiça que são maravilhosas.
Eu e minhas amigas da faculdade escolhemos o Tubaína para a nossa confraternização de fim de ano. A localização é ótima, ficou muito fácil para todas chegarem! Ninguém conhecia o bar ainda. Fiz uma reserva por e-mail para 6 pessoas e chegando lá já me encaminharam para a mesa no térreo mesmo. Era uma quinta-feira e o bar ficou vazio até irmos embora, por volta das 22h00. Achei estranho, pois grande parte das resenhas aqui no KK relataram que o bar estava sempre cheio e até mesmo com fila de espera.O atendimento é realmente difícil, os garçons são muito dispersos e é muito difícil ser atendida com rapidez. A decoração do bar é bacana e o banheiro também é bonito e limpo.
O cardápio conta com uma diversidade de tubaínas! A maioria fabricada no interior de SP. Pedi uma tubaína zero! Pois é, também tem sem açúcar! rs E para esperar o restante das amigas, eu e uma amiga pedimos para petiscar uma porção com 3 tipos de bolinhos diferentes que vêm num saleiro de plástico. A famosa coxinha de feijão estava lá na versão mini e tenho que dizer que não achei nada demais. O recheio de linguiça com bacon era todo moído e estava bem seco. Não achei saborosa. O bolinho de cuscuz foi o mais saboroso do trio de petiscos. Vieram apenas 6 mini petiscos e custou mais de R$ 20,00. Achei caro.
Assim que mais amigas chegaram, começamos a pedir mais comida e bebidas. Pedi o lanche de pernil com queijo e estava muito saboroso. Esse sim valeu a pena! :) Muito gostoso e vem acompanhado de fritas. Algumas amigas pediram sobremesa e gostaram! :)
É um bom lugar para fazer um happy hour, mas perdeu estrelas devido ao atendimento ineficaz e à decepção ao provar a coxinha de feijão! :(
De tanto ouvir falar no twitter sobre o Tubaína Bar (conheci via o perfil @samara7days), eu decidi que tinha que conhecer e não me arrependo da decisão.
Ao chegar no local, não havia mesas disponíveis ai fomos acomodados num sofazinho muito aconchegante no lado de fora, na calçada mesmo.
Depois de mais ou menos uns 20 minutos de espera, já foi liberada uma mesa, ao entrar no lugar já fiquei empolgado, com decoração toda retrô, com muitas mesinhas antigas, um televisor antigo no balcão, algumas samambaias, tapetes no teto e há um mesanino que é mais recomendável pra reuniões maiores do tipo aniversário seguindo a mesma decoração.
Os banheiros são pequenininhos mas limpinhos.
O ambiente todo é muito legal e em tempo, o bar é todo sustentável e há diversos folhetos explicando sobre sustentabilidade, vale conferir.

O atendimento é OK, vários garçons atendendo rapidamente mas sem muita cordialidade porém nada a incomodar pois o que importa é ser servido.
O cardápio é super bem acabado e também na linha retrô e as opções de drinks são váriadas e tudo com misturas de Tubaína com nomes bem legais, aliás como o nome do bar sugere, há várias opções de Tubaínas de diversos lugares do país inclusive o famigerado Guaraná Jesus. Os preços das tubaínas variam entre R$4 e R$8 e os drinques em torno de R$20 e R$30,00
Optei por não pedir uma Tubaína, fui de um drinque chamado AI CARAMBA! que nada mais é que Tequila prata, manim de maça verde, absinto e tubaína limão que achei muito bom já minha namorada, pediu o AI JESUS! que é composto por vodka, guaraná Jesus, suco de limão e cointreou que eu provei e não gostei muito fora isso pedi também um chopp Heineken que não tem o que falar.
No cardápio de comes, eu fiquei apaixonado pela coxinha de feijão, é isso mesmo, coxinha de feijão que tem aquele gosto do tutu de feijão recheado com linguiça toscana e bacon, uma coxinha muito original e deliciosa e acredito que seja de pedida obrigatória ao visitar o Tubaína. A porção com 6 unidades que vêm em uma daqueles antigos porta sal de plástico (muito charmoso) sai por R$23,00
Pra fechar, minha namorada ainda pediu um maravilhoso pudim de pão com cobertura de doce de leite que olha, só comendo pra saber o quão bom é!
Resumindo: O Tubaína Bar é daqueles bares originais com uma decoração muito agradável e opções de drinks únicas. Vale muito a pena conhecer!

obs: a qualidade das minhas fotos não fazem jus ao local, vão conhecer!
Tem uma galera por aí que costuma dizer que eu tenho alma de caipira pobre, porque sou apaixonada por coisas interioranas e do povão mesmo, tipo paçoca, bolacha de cesta básica, festa junina, doce de amendoim e claro, tubaína. Eu era daquelas crianças que pedia refri de 1 real pra mãe, sabe? hahahaha #PobrezaPega. Claro que era um absurdo eu não conhecer esse bar na minha própria cidade. u_u

Fui conhecer e o lugar em uma noite de sábado e foi muito mais do que eu esperava. O bar estava cheio, mas o segurança logo deu um jeito de nos arrumar uma mesa. Ficamos em uma apertadinha, mas não liguei muito, porque fomos na surpresa mesmo.

A decoração do bar é toda especial. Tudo lá é ecologicamente correto, e pra qualquer lugar que você olhar, verá alguma coisa que te lembrará alguém. Eu, por exemplo, vi a casa da minha tia-avó em quase tudo. hahah. Brincadeira! É porque ela tinha uma mesa igual as usadas no bar. Mas é muito confortável, dá pra relaxar e curtir a noite em um ambiente familiar.

Com uma carta de refrigerantes interioranos e importados absurda de linda, o Tubaína ganhou meu coração s2. Sério, tem tubaínas de todas as cidades que se pode imaginar e até de outros países. Experimentei um de abacaxi que me lembrou o velho Convenção, que acho que nem existe mais (ou pelo menos, nunca mais vi em Sampa), e o TimãoBaína que não é recomendado para torcedores de quaisquer clubes que não sejam o Corinthians. Dá pra imaginar pelo nome, né? Hehe s2 Os dois são absurdamente maravilhosos!

Pra comer, pedimos uma porção de batata frita. Sequinha, crocante e deliciosa! Depois optamos por um lanche e de todas as opções disponíveis, escolhi o Tubaína Burger (eu acho rsrsrs) e não me arrependi. O lanche é estupidamente gigante, o hambúrguer é delicioso e ainda vem com acompanhamento de fritas e uma maionese artesanal que é um absurdo de bom.

Recomendo muito esse bar. Impossível conhecer os melhores lugares de São Paulo sem passar por aqui. Mas, se puder, reserve uma mesa antes pra garantir e evitar ficar esperando lá fora. =)
Fui finalmente conhecer o Tubaína no aniversário de uma amiga, numa quarta-feira. Cheguei umas 21h e o local estava tranquilo; pouco mais da metade das mesas estava ocupada.

Claro que a primeira coisa que olhei no cardápio foi a carta de tubaínas! É uma carta tão grande que dá vontade de tomar todas – e aí você percebe que não tem ideia de por onde começar. Pedi a ajuda do garçom, que, bom... não foi lá de grande ajuda! Afinal, como dizer qual meu tipo preferido de tubaína se eu tomei tão poucas na vida? rs Dessa forma, optei por uma “não-tradicional”: Arco-íris sabor uva (R$ 4,60). Beeem doce, estilo Fanta Uva mesmo!

Para comer, fui do que me recomendaram: sanduíche de pernil! Segundo o cardápio, é feito com pernil assado por 6 horas, marinado em um molho exclusivo (?) e puxado com cebola no molho inglês com queijo fundido da casa, tudo no pão francês. Acompanha fritas e custa R$ 19. Achei um ótimo custo-benefício, especialmente se considerarmos que o sanduba não é nada pequeno!

Quanto ao atendimento, achei um pouco deficiente. Às vezes, não havia nenhum garçom por perto! Me pergunto se no andar de cima a situação é ainda mais complicada ou se há garçons destacados para aquela área.

Há consumação obrigatória, mas lembro que (às quartas-feiras) não é nada abusivo, nem difícil de alcançar. Dá pra ir numa boa!

No geral, gostei bastante do lugar! Volto fácil para continuar a minha saga pela carta de tubaínas!
Fiquei sabendo sobre o Tuubaína bar pelo twitter, um dos perfis que eu sigo la ia muito e falava muito bem desse bar. Andando pela paulista numa sexta a noite, após termos saído de outro bar, eu e o namorado resolvemos ir lá conhecer.
De cara já gostei da entrada do bar, bem bonitinha. Mas já começamos pagando um pequeno mico, quando chegamos não tinha ninguem da porta (funcionario) e achamos que era só entrar. Vimos uma mesa e sentamos. Logo em seguida o funcionario responsavel pela porta nos pediu para sair, muito educadamente, e esperar na porta quando vagasse uma mesa e só então nos demos conta que as pessoas na frente do bar estava esperando para entrar XD na frente tem um sofá e uma mesa com cadeiras e voce já pode começar a pedir dali mesmo por isso nossa confusão.
O bar tem dois andares, ambos abarrotados de mesa e com decoração vintage, super fofo! Ficamos no andar de cima, que é ideal para reservas de grupos grandes, o que não gostei muito pois tinham dois grupos grandes fazendo suas reuniões lá e a nossa mesiinha num cantinho, é apenas frescura mas me senti "sobrando" na festa dos outros haha. A decoração do bar é apaixonante de tão fofa, todos os detalhes são marcantes desde a televisão antiga no balcão até as mesas e cadeiras com cara de casa de vó. Adorei!
O destaque do cardápio são as tubaínas, a casa conta com diversos tipos diferentes, de diversas cidades do interior de São Paulo incluindo o famoso Guaraná Jesus, que apesar do nome guaraná é considerado uma tubaína. Nenhuma das tubaínas nos chamou a atenção e o preço não era dos mais baratos (cerca de 5 reais a maioria) então optamos por um drink com tubaína cada um. Infelizmente eu não lembro os nomes dos drinks mas nenhum de nós gostou muito, acho que não somos fãs desse tipo de bebida na realidade haha os drinks são caros, mais de 20 reais cada um, mas não fogem do preço praticado pela região. Meu namorado pediu também um chopp, que estava bom mas nada de especial.
Para comer meu namorado pediu a famosa coxinha de feijão do bar. ele amou, ficou elogiando um monte e disse que é maravilhosa. Eu experimentei, mas não curti muito não, não que seja ruim mas pra mim coxinha é de frango, sorry hahaha. A apresentação da coxinha é um caso a parte, a porção (que vem 6 coxinhas de tamanho pequeno pra medio, não são minusculas mas também não são gigantes) vem dentro de um saleiro daqueles antigos, de plástico sabe? FOOOOFO! Depois coloco fotos aqui. Eu quis apenas sobremesa já que já tinha comido bastante no outro bar, e gente, QUE DELICIA DE SOBREMESA! Pedi um pudim de pão com cobertura de leite condensado (dizem que é doce de leite mas na verdade é um meio termo, sabe quando você cozinha leite condensado na panela de pressão pra virar doce de leite? Parece que fizeram isso mas deixaram pouco tempo então ficou no meio do caminho) porque li nas resenhas que era bom (nem sou fã de pudim de pão) e não me arrependo! De lamber os beiços e passar por debaixo da mesa de tão delicia! Recomendo fortemente que você experimente!
O serviço foi normal, achei um pouco demorado mas nada absurdo e o garçom não foi muito atencioso, talvez pela lotação do bar, mas isso não atrapalhou nossa noite.
Gostei muito do bar no geral, voltarei com certeza! Desculpem a falta dos nomes das bebidas e dos preços das coisas, só lembro que a conta deu por volta dos 100 reais, não é um bar baratinho mas sem os drinks a conta já cairia pra uns 60 reais com um chopp, porção de coxinha e uma sobremesa.
O Tubaína é um barzinho com estilo retrô, possui um público alternativo, ambiente despojado, e uma variedade de opções de bebidas, petiscos e comidas no cardápio.Gostei muito por ter uma diversidade de marcas de tubaínas, inclusive o Grapette que não encontra tão fácil a venda em qualquer lugar.
Os petiscos são excepcionais e diferentes e eu adorei a coxinha de feijoada e o brigadeiro pucha-pucha de palito com ovomaltine.
Cinco estrelas para o local! Totalmente old-school, decorado com propagandas antigas de refrigerante e móveis reaproveitados!
Gosto de conhecer lugares em dias badalados, pois assim vemos se o atendimento realmente é eficiente e bem administrado. Conheci o bar agora nesse último boteco week, os garços são jovens e super atenciosos e simpáticos. Sem se falar no imenso cardápio de tubaínas e drinks derivados da mesma!
Pedi a tão famosa coxinha de feijão deles, e sem brincadeira, tem gosto daquele feijão feito na hora pela sua vovózinha sabe, com gostinho de bacon! Pedi também a porção promoção do boteco week, a linguiça crioula, muito bem temperada com limão e vinagrete, acompanha pães fatiados.
A porção (6 unidades) de coxinha me custou 19,90$. E a porção da linguiça crioula me custou 35$, no entanto, acompanhou dois shops.
Ambiente muito agradável com estilo retro com 2 andares,mas é bom ligar pra fazer reserva porque fui num sábado e estava cheio mas não demoro pra mim e meu namorado conseguir uma mesa,fui num sábado que inclui comanda individual de R$ 25,00 consumíveis

Pedimos duas marcas de tubaínas que é por r$ 4,50 cada uma ,1 chopp e 2 drinks com absinto e tequila R$ 22,00 (não lembro agora,mas depois coloco os nomes : ( )

A comida demoro um pouco mas nada de desesperador.

Comemos um combo que vem 2 bolinhos feijão,2 coxinhas e 2 bolinhos r$ 23,00 que são bons mas bem pequenos que desaponto bastante mas já tinha lido aqui que eram pequenos e também uma porção de calabresa com cebolas e pães que estava ótimo o tempero.

Final da conta foi uns R$ 90,00 reais pra 2 pessoas.

O som ao fundo é bem alternativo e não estava alto o que não incomoda quem esta ali conversando.

Fomos bem atendidos pelos garçons e o barman XD.
O Tubaína Bar fica perto da Consolação e é um cantinho super charmoso para quem gosta do bom e velho...guaraná! rsrs
No local podemos degustar de vários refrigerantes antigos e de vários lugares diferentes, entre eles o Jesus, o Grapetta e a boa e velha Tubaína.
Eles servem um pastel maravilhoso com calabresa moidinha e várias opções de hamburgueres artesanais enoooormes com batata frita.
O lugar tem uma decoração bem vintage, com vários quadros de pin ups bebendo refrigerante e de propagandas antigas.
Não é um dos lugares mais baratos, mas vale a pena ir pelo menos uma vez com os amigos para conhecer.
O que mais gostei do Tubaína foi ambiente retro que lembra casa de vó e o cardápio super inovador com tubaínas de várias cidades.

Provei três tubaínas: a Maça Don (de maça e mais gostosa), Limão Funada (tipo uma soda com MUITO gás) e a Timãobaína (do corinthians, bleh =P). Tubaína não é o refri mais gostoso do mundo, mas vale a experiência!

Das comidas, eu provei a coxinha de feijão (R$23 para 6 coxinhas, sinceramente não curti muito) e o Sanduíche de Pernil (~R$20, gostoso mas MUITO gorduroso).

A única coisa que precisa melhorar um pouco é o atendimento. Os garçons estava bem perdidos (erraram nossos pedidos 3 vezes) e a comida demorou muito para chegar.
Adoro esse lugar, eles dão tanta atenção aos detalhes que faz dele único, a decoração, cardápio, apresentação dos petiscos, tudo é muito bem apresentado. Se tiver amigos que não bebem bebida alcoólica esse é o lugar, tem vários drinks divertidíssimos a base de refrigerante, que é o carro chefe do bar. Uma viagem ao Brasil em refrigerantes, sabores e nomes diferentes.
O foco desse bar são as tubaínas! Lá você vai encontrar diversos sabores que podem te agradar ou não. Nem todo mundo já provou essa bebida deliciosa!

Sempre que fui optei pelos bolinhos e porções, que são na medida. Tem uma pamonha frita e empanadinha com parmesão que é muito bom além de um bolinho de feijão que também é uma delicia.

Se for pedir cerveja, peça as diferentes. Eles possuem uma grande variação e as de trigo, além de bem tiradas, são sensacionais. Se você quer provar a cerveja do Homer Simpson, a Duff, lá é o lugar ideal. A cerveja vem sempre bem gelada!

Vale a pena conferir. Tem vallet no lugar, mais não compensa, na minha opinião.
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 76

Nota geral Você conhece o Tubaína Bar? Escreva uma opinião! Dê sua nota!
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)