The Week

Endereço: Rua Guaicurus, 324 , Lapa - São Paulo , SP - Brasil - 05033-000

Telefone:

11 3868-99...

Clique para ver
Categoria:

GLS

  | Rank: 1º de 17

Camarote, Restaurante, Lista de Aniversário, Estacionamento 

Preço por pessoa
$$$$ (De R$51 até R$100)
Site oficial
theweek.com.br
Redes sociais
theweekbrazil
Formas de pagamento
Crédito:
Débito:
cash, credit card, debit card
Primeira opinião
Rodrigo Da Silva ...
Detalhes
  • Acesso para deficientes
  • Ar condicionado
  • Aceita reservas
  • Mesas ao ar livre
  • Comanda individual
  • Wi-fi
  • Couvert artístico
  • Música
  • Entrada
  • Estacionamento

Como chegar
Salvar favorito
Reportar problema
Sou dono
Escrever opinião
Como chegar - Traçar rota

  • Lugares parecidos
  • Cadastro

http://br.kekanto.com/como-chegar/the-week
Notas específicas:
Ambiente
(34)
Público
(33)
Atendimento
(34)
Bebida
(33)
Custo-benefício
(27)
Comida
(17)
Dicas
Área da piscina é a melhor opção para passar a noite.
Matheus P.
Vá em uma festa da Gambiarra.
Lilian
Vá com a galera, mas se abra a novas amizades!
Neide v.
Não vá casado.
Gilberto V.
Otima balada p curtir c a galera......
vanessa s.
Ver mais
Opiniões
" Surprise Party " foi isso que meus amigos me falaram e me levaram!!!

Imagina em uma garota, " caipirinha" neste lugar, imaginou? Hahaha pois é era eu anestesiada bem assim que fiquei ao chegar.
Chegamos por volta das 00:30 não me recordo muito bem, mega lotadooo na portaria!!
Quando entramos já fomos pedindo vodka, red bull e cervejas só não me recordo dos preços =(

Ambiente, música, decoração nota 1000000!!!!! Lugar certo para se divertir!!!!

Até então não sabia que estava em uma balada GLS rs, até levar uma " cantada" de uma pessoa do mesmo sexo =O

Meus amigos: " Surprise Party " !!!!!!!

Sinceramente nunca me diverti e dancei tanto em minha vida ! Apesar das várias " cantadas" me diverti horrores e no final levando tudo numa boa :)

Heterossexuais , Homossexuais e Afins tudo junto e misturado imagina a loucura deste lugar, ambiente e música eletrônica ótimas !!!

Quem nunca teve esta experiência como eu tive, aconselho vá e se divirta e dance muito!!!

Com certeza irei voltar !
Balada muito boa,com músicas eletrônicas TOP,no caso de héteros que é o meu caso se for para pegar mulher vai ser difícil,e conselho,antes de chegar numa tem que vistoriar de longe, bebidas um pouco salgado mais do resto a casa é quase nota 10.

Música, infra, preços e rola um shows fantásticos !!

A casa é conhecida mundialmente ..
Analisando o público que frequenta hoje, não vale a pena ir. O que mais me impressionou na última vez, foram as comunicações de cuidado com assalto dentro da The Week. Isso não me agradou, e sem contar que as pessoas que frequentam não estão ali pela música, bebidas ou público, mas estão ali para arrumar confusão com outras pessoas.
O local é muito bonito, os drinks valem a pena, tem gente que se salva lá dentro, mas a localização é ruim, grande parte do público é péssimo, e o atendimento é deplorável.
Bom , devido a minha correria do dia a dia , ainda não tive a oportunidade de conhecer , mas claro , a The Week sempre é bem falada por todos que a frequentam . Isso é super bacana e positivo , pois aqueles que ainda não conheceram , ficam em uma expectativa maior :}
Parabéns The Week , por proporcionar momentos únicos e incríveis .
Esse lugar é show de bola! Mesmo quem for hetero vai curtir muito! O público é bem bacana, e te respeitam demais. Se você não for gay, lésbica e afins, e chegar alguem te cantando, é só falar não que ninguem vai te tratar diferente. Lá todos são iguais e cada vez que você vai, faz amizades novas. Só é um pouco salgado o preço, mas compensa pela diversão.
Sou suspeita para falar dessa balada, na minha opinião é a melhor balada GLS da cidade. bato cartão (white) lá!

Tanto o espaço físico, quanto ao público que frequenta são bem bacanas.

Pra entrar você certamente irá pegar uma filinha para cadastrar ou passar a digital. Ponha o nome na lista antes e caso não tenha, adquira o cartão white, só fazer no site, ele te dá descontos e torna sua vida mais prática... Rs... Mulheres, nesta balada pagamos mais caro, não adianta nem chorar, e normalmente é 70 reais seco.. Das ultimas vezes consegui pegar 100 reais consuma, o que já foi um beeeeelo avanço, sinto que já é um embarreiramento para as mulheres irem.. Mas eu não desisto e vou mesmo assim.

A casa possui 3 pistas, a principal que é a maior e costuma ficar mais cheia, as vezes bem abarrotada e dificil de respirar, suor e roça-roça all night long, a do meio que tinha uma gaiola, que eu adorava, mas tiraram e fica meio as moscas e a do fundo, mais alternativa, e menos abarrotada.

A parte ótima dessa balada é que diferente da Bubu, ela tem um espaço aberto, vc não fica enclausurado e dá pra dançar do lado de fora das pistas e ainda curtir.

Antes havia uma piscina que deixava a balada bem estilosa, contudo depois de algumas pessoas colocadissimas se jogarem e darem bafão, ela foi reduzida a praticamente um tanquinho, um chafariz, mesmo assim.. NÃO entre na piscina, ok?!.

O fumódromo é ótimo, todo de madeira, com banquinhos, cuidado para não passar a balada inteira lá.

Banheiros unissex e as vezes com uma fila bem grande, tenha paciencia. Cuidado (ou não) pois na frente do banheiro tem um dark room ou bosque a céu aberto.. Coisas estranhas acontecem lá.. Rss.. Se vc errar a entrada do banheiro pode se assustar.

As bebidas de lá são um pouco caras, mas fazer o que, e o bar está sempre cheio, tenha paciência também.

As pessoas que freqüentam lá são bem bonitas, e como dizem os meus amigos, bombadas de academia que gostam de tirar a camiseta, então caso não seja esse tipo de vibe que vc curte, lá não é uma boa pedida... Pois os caras, em sua maioria, andam sem camiseta e de óculos escuros.
No começo é muito carão e strike a pose, mas Depois das 3 hrs da manhã a galera fica bem "animada", sensualizando cheia de amor pra dar.. Essa é a hora de investir na magya e sedução!

De domingo rola a pool party que é bem legal tbm, e vip pra quem tem o cartão white.

Meninas, lá tem homens heteros também.. E as vezes bem bonitos.. É o tipo de balada gay que a amiga ht não fica chupando dedo... Mas cuidado, alguns são "heteros" -> sqn!

A música de lá é sensacional, alias, nos dias normais, em dia de gambiarra a musica é mais trashy e a galera que frequenta é mais baby. Na faixa etária dos 18 aos 23 anos.

Nos dias normais a faixa etária é de 23 a 33 anos.

Chapelaria no local. Estacionamento próprio dentro da balada ( 30 reais).
Exibindo de 15 a 28
Total de opiniões: 73

Nota geral Você conhece o The Week ? Escreva uma opinião! Dê sua nota!
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)