Anuncie no Kekanto

Quer receber ofertas do Paris 6 Bistrô?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos. Cadastre-se e receba os descontos
f
Paris 6 Bistrô

Paris 6 Bistrô

Rua Haddock Lobo , 1240
Jardim Paulista - São Paulo , SP - 01414-002

Telefone: 11 3085-1595

Um bistrô parisiense em plena São Paulo. Cardápio temático, decoração acolhedora, o lugar ideal para trazer os amigos e família. 


Preço por pessoa:

$$$$ (Mais que R$100)

Categoria:
Restaurante
Ranking: #15 de 4208
Site oficial:
Paris6.com.br
Formas de pagamento:
Crédito:
Débito:
Horário de funcionamento:
Seg. a Dom.: 0h às 0h
Primeira opinião por:
Arly Cravo
Detalhes:
Animais permitidos
Ar condicionado
Aceita reservas
Mesas ao ar livre
Inaugurado em 2006
Ponto turístico
Proibido fumar
Wi-fi: Acesso Grátis 24h por dia!!
Couvert
Menu executivo: R$ 39,00
Música
Estacionamento: R$ 20,00

Quer receber ofertas do Paris 6 Bistrô?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos para todos os seus consumidores. Registre-se e receba gratuitamente todos os descontos

Publicidade
Notas específicas:
Ambiente
(57)
Comida
(58)
Atendimento
(57)
Bebida
(51)
Custo-benefício
(56)
Dicas  (57)
Ellen Mendes
Experimente as diversas sobremesas que você só encontra por lá!
Ellen M.
Amanda Novak
Não deixe de experimentar Crème brûlée com Diletto!!! :)
Amanda N.
Mayara Morais Ribeiro
Tentar sentar nos cantos, a distribuição das mesas é algo que pode incomodar pelo pequeno espaço entre elas.
Mayara M.
Classificar por:
Opiniões   (113)
 
Já ouvi falar muito do Paris 6 (principalmente do grand gateau) e resolvi experimentar. Quando chegamos tava bem cheio, mas não demorou muito a espera. O lugar é muito legal, muito estiloso.
Pedimos direto os pratos principais, eu pedi medalhões de filé ao molho gorgonzola e batata gratin e meu namorado pediu peito de pato em fatias ao molho de frutas vermelhas e purê de batata boroa. Muuuito, mas muito bom mesmo! Os dois pratos. Depois pedimos a sobremesa, eu pedi o grand gateau chocolat ao picolé diletto de chocolate italiano, creme de nutella ao leite condensado e morangos picados com avelãs granulados (coisa de Deus) e meu namorado pediu o grand gateau de kit kat, que é novidade por lá.
Sério, eu gostei muito de lá! Veio tudo ótimo, sem reclamação nenhuma. A comida é muito boa e vem na medida certa, sem exageros. A sobremesa é um caso a parte, uma delícia!
Vale a pena conhecer o lugar.
Dica: Lá funciona 24h por dia!
Bom para: Ir com amigos, Casais, Famílias, Jantar, Ir de madrugada
 
O badalado Paris 6 funciona no estilo bistrô e 24 horas por dia. Localizado na famosa Rua Haddock Lobo, o bistrô possui uma decoração moderna, com quadros muito bonitos, além de papel de parede e arquitetura estilosa. Um de seus valores é unir cultura e gastronomia, pois além dos fatores descritos anteriormente, no cardápio há diversos pratos, entre entradas, massas, peixes, aves, frangos, carnes, etc, sendo que uma curiosidade presente em cada prato está o nome de uma celebridade brasileira dando o nome a ele. Na descrição, fala um pouco do tal artista e do que é composto o prato.
Os valores dos pratos começam em R$ 40,00 e sobem. São muito bem preparados e fazem valer o investimento.
Para quem vai cedo, é servido o café da manhã no buffet.
Há serviço de valet.
Bom para: Ir com amigos, Casais, Famílias, Ir sozinho, Jantar, Almoçar, Ir de madrugada, Happy hour, Cerveja, Drinques, Realizar eventos pessoais, Paquerar, Relaxar
 
O lugar é realmente muito bonito, remetendo a bistrôs franceses, com meia luz vindo dos candelabros no teto. A comida também é deliciosa, muito bem feita (um primor!), com tanta opção que se perde facilmente no cardápio.

Na porta, se vê que é super badalado, o lugar do momento: lotado, inclusive nas segundas-feiras, com filas de espera. Portanto, o conselho é chegar antes das 20hs - se quiser um lugar.

Bom, o atendimento, apesar de atencioso, é disperso e é uma dificuldade se locomover no lugar, com tantas mesas e garçons para tão pouco espaço. Ir ao banheiro é uma verdadeira aventura (e os garçons não dão licença, tem-se que abrir caminho na marra, com cuidado para não derrubar qualquer coisa pelas mesas no caminho).

O cardápio poderia ser mais enxuto e simples, pois há opções demais e em cada uma há uma história do porquê aquele prato está no cardápio e misturado a isso, de maneira confusa, do que se trata aquele prato (saber o que tem em cada um é difícil: além do texto todo misturado, a letra é pequena e mal se consegue ler com a baixa luz do ambiente).

Não é lá muito barato, mas não é um absurdo de caro, em vista da comida ser muito gostosa e bem-feita. Ou seja, tem um bom custo-benefício.

Valeu pela comida, mas não muito pela experiência. Talvez eu volte quando estiver um pouco menos "hypado".
Dica: Vá cedo para não pegar filas gigantescas na porta.
Bom para: Ir com amigos, Casais, Jantar, Vinho, Experiências gastronômicas
Fernanda Ribeiro:
Concordo que o espaço é bem pequeno e difícil de se locomover e o cardápio também é bem complicado e chato de ficar lendo toda aquela história do prato.
Conteúdo inválido
 
O Paris 6 faz um trabalho de marketing digital muito bom, tanto que estava morrendo de vontade de conhecer o lugar depois de tanto ver fotos dos pratos no Facebook e de ver sempre opiniões positivas dos muitos famosos que frequentam o lugar.

Eu e alguns amigos resolvemos reservar uma mesa em um sábado a noite. A grande fila na porte do restaurante mostrou que a reserva tinha sido uma boa opção.

Depois de entrarmos no restaurante e escolhermos nossos pratos os problemas começaram. Os garçons, que acham que são franceses e talvez por isso adotam uma postura rude e blasé, não passavam nunca na nossa mesa. Depois de muito esperar, um garçom finalmente retirou nossos pedidos, com muita má vontade, afinal o foco da casa é dar atenção as ricos e famosos.

Quando recebemos a entrada, a primeira decepção: tudo horrível. Estava no restaurante com um amigo que é chef, que soube identificar tudo que tinha sido feito de errado no prato. Eu, não sendo uma expert no assunto, só sabia dizer que estava ruim mesmo.

Depois de muita espera os pratos principais chegaram e também estavam horríveis. A carne estava muito seca e com quase nada de molho. A sobremesa foi o que salvou nosso jantar, estava boa mas também nada de muito original.

Na hora de pagar a conta ficamos ainda mais decepcionados com a nossa escolha ao ver o preço absurdo que era cobrado por pratos tão mal executados.

Resumindo, não se engane pelo número de estrelas globais que falam tão bem do restaurante e que dão o seu nome para os pratos sem inspiração do mesmo. Por sinal, quem disse pro dono que seria legal dar nomes de artistas para o pratos? Afinal, eu to bem de boa de comer um prato chamado Paulo Ricardo.


 
Cheguei naquela expectativa e pra minha surpresa não era nada daquilo que esperava.

Como tava na correria, com uma reunião às 14h, preferi adiantar meu almoço pra 12h pra poder chegar com calma. Além disso, fui sozinha, e esse já foi um dos fatos que me incomodou demais. Todos, todos mesmo, os garçons do salão fizeram questão de perguntar se eu esperava alguém, mesmo após eu ter pedido mesa pra 1, e mesmo depois de já ter pedido o cardápio pro primeiro que havia me perguntado. Convenhamos, que almoçar sozinha já é uma situação nada confortável, e tendo alguém perguntando, a cada 10 segundos, se você está esperando alguém, não ajuda!

Como outros já explicaram em outras resenhas, o cardápio é bem cansativo. Legal a ideia de criar pratos baseados nos pedidos dos seus amigos famosos, mas daí começar a explicar quando, porque, como, em cada um deles, você acaba desistindo de ler até o final.

Como era hora de executivo, acabei pedindo uma das opções, por 39R$ (+ 6R$ por uma sobremesa). Pedi um frango empanado no gergelim com arroz integral com amêndoas e legumes, que veio acompanhado de uma salada de folhas com frutas da estação que fazia parte do executivo. Na teoria parece perfeito e delicioso, mas na prática.... O prato veio bonito e tal, mas só de olhar sabia que o frango não seria gostoso, só pelo tamanho. Era um peito de frango gigante, ou seja, pra estar completamente cozido, o tempo de cozimento seria mais que o necessário para deixá-lo seco e sem gosto. E realmente, ao mastigar, parecia que estava comendo palha, além de seco, estava sem tempero. Os legumes, ao contrário, estavam duros, porque estavam quase crus (e também não temperados). O arroz foi quem conseguiu levantar um pouco a dignidade do prato, mas não conseguiu salvar! Não sei se dei falta de sorte ou se é uma constante do restaurante entregar pratos insossos.

Mas falando do restaurante do geral, a decoração é bem feita, com paredes de cores quentes, lustres bonitos, diversos espelhos nas paredes, armários bonitos com as taças à mostra, etc. Me senti bem confortável em um lugar bem aconchegante. A música ambiente francesa também conferiu todo um charme.

Além disso, acho interessante a proposta de ficar aberto 24h. E como eles incentivam a cultura, deixando em cada mesa propaganda de peças de teatro e exposições.

Bom para: Ir com amigos, Ir com crianças, Casais, Famílias, Ir sozinho, Jantar, Almoçar, Ir de madrugada, Happy hour
 
Após um dia cansativo, meu marido e eu resolvemos relaxar e conhecer o tão bem falado Paris 6. Fomos em um domingo, mas já passava da meia noite. Estacionamos o carro na rua e aguardamos uns 20 minutos por uma mesa. A decoração do restaurante é muito bonita! Nos sentamos embaixo da estrutura de ferro. As mesas são bastante próximas umas das outras, o que pode atrapalhar um pouco a conversa dependendo de quem está ao seu lado. Infelizmente ao nosso lado havia um casal carioca que resolveu ouvir música diretamente de seu celular, uma seleção que ia do funk ao eletrônico. E o garçom preferia bater papo com eles do que pedir que desligassem a música... Bom, eu pedi, mas eles baixaram o volume... Pedimos duas taças de espumante e duas taças do vinho tinto da casa. Espumante OK, vinho da casa horrível, álcool puro. Pelo preço que cobram (R$ 20,00 a taça) foi um assalto. O couvert da casa demorou um pouco para chegar, mas estava quentinho. Não me lembro do nome do prato que pedi, até procurei no site, mas eles mudaram o cardápio, mas consistia num bife de filé mignon com batatas rústicas. A carne estava um pouco seca e algumas batatas estavam cruas.
Meu marido pediu cordeiro, também não foi o melhor que ele já comeu. Nem pedimos sobremesa.
Conta: R$ 270,00 - muito cara pelo o que nos foi servido.
Tínhamos uma outra ideia do lugar, mas agora que fomos, vimos que não vale uma segunda visita. O deixaremos para os ricos e famosos! rs
Dica: Não peça o vinho da casa
Bom para: Ir com amigos, Casais, Jantar, Ir de madrugada
 
Eu sei que todo mundo aaaaaaaaama esse restaurante, ele é super badalado e blablabla. Mas eu não gostei do atendimento. E isso ACABOU com o restaurante para mim.

Fui lá uma vez só, estava super empolgada porque sempre passava por lá, achava o máximo e queria conhecer.

Pois bem, cheguei lá com um amigo, sentamos numa mesa indicada pela hostess. Até aí ok, o garçom foi nos atender. Quando pedimos uma entradinha normal e recusamos a carta de vinhos, ele já fez uma cara de "ai, essa gente pobre". A partir daí, a coisa só foi degringolando para pior. Depois da entrada, cada um de nós queria pedir um prato principal. Mas demoramos mais de 20 minutos para sermos atendidos pelo garçom, que passava pela nossa mesa e fingia não nos ver. Não entendi essa atitude.

Quando finalmente conseguimos pedir o prato principal, meu amigo já aproveitou e deu uma carcada no cara por ele ter demorado para nos atender. Ele pediu desculpas e a partir daí, interessado no seus 10% de gorjeta, começou a nos tratar diferente.

Comemos nosso prato, bebemos nosso refri e pedimos dois sorvetes de sobremesa.

Na hora de pagar a conta, decidimos que não iríamos pagar os 10%, pois o garçom tinha sido, obviamente, um escroto. Acreditem ou não, o cara começou a dar pití. Perguntou porque não estávamos pagando. Quando explicamos, ele discordou da gente e disse que o atendimento tinha sido ótimo e ainda por cima ficou gritando para o restaurante todo, enquanto a gente saía da mesa, "olha, esses aqui estão saindo sem pagar toda a conta". Detalhe que a gente ainda pagou parte dos 10%, nem sei por que. Por causa dessa atitude ridícula, ainda fomos obrigados a ficar dando explicações para 300 pessoas (no caso, a hostess e mais uma outra mulher que ficava na entrada) do porquê de não estarmos pagando os benditos 10%.

Enfim, a experiência foi horrível e, desde então, não consegui voltar a esse lugar.

Espero que o tal garçom tenha sido demitido.

Mas, para não dizer que foi tudo uma merda, a comida era muito gostosa, e o ambiente era bem legal. Porém, já que eles estão tão interessados em cobrar preços absurdos só para colocar o nome "bistrô" na entrada, esperava que o atendimento fosse compatível.
 
Meu haha como assim!? eu sempre via o Paris 6 como lugar pra escrever, mas eu tinha certeza que era algum tipo de erro, porque eu tinha absoluta certeza de que eu já havia escrito de lá, bom confesso que me encontro até contente por que é sempre bom escrever de lugares que agente gosta

Bom, eu conheci o Paris 6 a bastante tempo e desde então fiz visitas periódicas até hoje. O lugar é extremamente bem decorado, porém sem exageros, tudo para deisxar o restaurante com a cara de um bristrô francês localizado no meio do Jardins.

O nome Paris 6 é uma homenagem ao 6º distrito de Paris, o bairro de Saint-Germain-des-Prés, onde em 1686 o siciliano Procópio fundou o primeiro café, tá vendo? ler resenhas do Guto também é cultura;)

Bom, o lugar possui estacionamento próprio e o serviço é extremamente atencioso da hora que você sai do carro até a hora de abrirem a porta do mesmo para partir. O preço é meio acima da media devido a localização e devido ao fato de ser o unico restaurante do seguimento que é 24h. Eu sempre tive epocas do Paris 6 por um tempo eu sempre optava pelo prato "Christiane Torlonni", depois passei a preferir o "Reinaldo Gienechinni" que é um prato a base de cordeiro. E ultimamente eu tenho optado pelo "Dalton Vigh" que é composto por medalhões ao molho de vinho tinto, cebola, bacon e um delicioso risotto de cogumelo, é mole??

Normalmente se você vai para jantar mesmo, com couvert, que diga-se de passagem é uma delícia, bebidas e tudo mais, acaba ficando em média R$100 por cabeça. Se for mais para o lanche da madruga sai menos;)

Ah! e além de tudo isso, acredito que seja um polo de gente bonita e interessante na vida noturna paulistana. Volto sempre e Recomendo;)
Dica: Lugar impressionante para passar o tempo;)
Bom para: Experiências gastronômicas, Realizar eventos pessoais, Vinho, Cerveja, Drinques, Ir com amigos, Ir sozinho, Casais, Happy hour, Almoçar, Ir de madrugada, Ponto turístico
 
Domingo em Sampa trabalhando ninguém merece! Depois do trabalho, marquei para almoçar com meu primo João, sua mulher Tati e o João Pedro, filho do casal. Eles sugeriram o restaurante Paris 6, local badalado do requintado bairro do Jardins, na rua Haddock Lobo, quase esquina com a Al. Tietê e que funciona 24h. A experiência foi bem legal, pois só tinha coisa boa: boa companhia, boa comida, boa música, bom público e bom serviço.

Cheguei lá por volta das 14:20h, estava de carro alugado pela empresa e por isso não achei que valia deixá-lo no vallet e pagar R$ 20,00. Estacionei ele na rua e fui andando.

Pedi mesa para 4 e não esperei nem 5 minutos para ser chamado. Gostei e não gostei dessa agilidade, pois enquanto esperava, estava curtindo de perto o trio de jazz que tocava clássicos desse ritmo americano, alem de samba e bossa nova.

A mesa era num lugar ótimo e ainda dava para ver um pouco do trio tocando. Não demorou muito e o trio João, Tati e JP chegou. Nesse meio tempo apreciei um pouco mais do ambiente que parece bastante com um bistrot parisiense, aliás, obviamente é esta a proposta do local.

Os pratos levam todos nomes de artistas que, segundo o cardápio, frequentam o local e dão seus pitacos na confecção de cada uma das criações. Pedi um Risotto de Morue a "Fernando Meireles" (risoto de bacalhau puxado no alho, ervas de provance e amêndoas), que custa R$ 55,00 e não me arrependi. Na mesa ainda saiu dois Sphagetti Carbonara a "Renata e Fábio Luis" (R$ 36,00) e um Picadinho Carioca Paris 6 a "Monsieur Wolf" (R$ 43,00). Também pedimos o couvert, que vem com manteiga, patê, azeitonas e pãezinhos.

O meu risoto estava ótimo. Um dos melhores que já comi e recomendo fortemente! Para acompanhar, meu primo pediu um vinho Aquitania Reserva Carmernere (R$ 99,00) muito bom! Com notas de pimenta e chocolate, o vinho é muito macio e equilibrado.

O atendimento foi muito bom, desde a recepcionista até a conta ser paga! Parabéns aos donos do restaurante pois a experiência foi muito positiva.
Bom para: Ir com amigos, Ir com crianças, Casais, Jantar, Almoçar, Tomar café-da-manhã, Ir de madrugada, Vinho, Reuniões de negócios, Happy hour, Famílias
 
Aproveitei uma promoção do Paris 6, que oferecia café-da-manhã de graça para seus seguidores no Twitter, para conhecer o restaurante. Já fazia um bom tempo que queria ir e minhas expectativas eram bem grandes. Não me decepcionei!

Cheguei logo às 8h, hora em que o café começa a ser servido oficialmente. Já havia algumas poucas pessoas no lugar. E que lugar! O Paris 6 tem uma varandinha com algumas mesas e o salão principal, que traduz o luxo e glamour que eu sempre imaginei nos cafés parisienses. Tons de creme, verde e marrom colorem o salão, adornado por espelhos e por lustres cheios de cristaizinhos, que iluminavam o ambiente de modo suave. Suave também era a música francesa que se misturava aos sons do restaurante. O Paris 6 é muito tranquilo pela manhã, o que faz dele uma ótima opção de lugar para começar o dia.

O café-da-manhã funciona no esquema self-service, em um hall entre a varanda e o salão. Há uma mesinha com alguns tipos de pães, pão de queijo, cereais, iogurte, manteiga, geleias, sucos, café e achocolatado. Quem quiser, pode pedir uma salada de frutas também. Para colocar no pão, há poucas opções: presunto, queijo mussarela, queijo branco e salsicha. Achei legal e diferente que quem preferir lanches quentes pode esquentar seu próprio sanduíche em um forninho que fica em cima da mesa. Para quem gostar de torradas, há uma torradeira também.

Ao lado da mesinha há um balcão com salgados e doces. De modo geral, as tortas e os croissants salgados estavam deliciosos - eu só não repeti porque não conseguia comer mais! Um deles, só de queijo estava meio sem gosto, mas os demais compensaram! Já os doces estavam muito, muito gostosos também, em especial, dois deles: o bolo de chocolate, que estava macio e doce na medida certa, e um folhado recheado com creme, meu favorito.

Além de oferecer boa comida, o Paris 6 tem um serviço muito simpático e atencioso. Isso se torna ainda mais evidente quando se observa as paredes do lugar. Elas estão repletas de quadros com menus autografados por celebridades e em suas mensagens constam elogios sem fim à comida e ao bom atendimento. Realmente vale a pena conferir!
Dica: Aproveite as promoções do Twitter para conhecer o lugar.
CAROLINA K.:
Olá! Só para avisar o valor tradicional do café da manhã é R$25,00 e é servido até as 12 horas.
Vale a pena checar se há descontos no site do próprio Paris 6, pois vira e mexe eles dão 30% no café da manhã!
Conteúdo inválido
 
Vou dividir em duas partes, primeiro sobre o local em si, a decoração é muito bem cuidada em todos os detalhes talvez pareça um pouco cafona, mas a distribuição pelos ambientes não monopoliza o olhar e permitem que os olhos passeiem pelo local, pronto acabou a parte boa, o auto elogio começa na decoração com aqueles quadros assinados por qualquer um com 15 minutos de fama, outra coisa desagradável é ler o cardápio com a feliz combinação de cores, bege, marron, vermelho, para serem lidos a meia-luz, podem levar a lanterna que você vai precisar, não bastando, cada prato tem uma historinha que você é obrigado a ler se quiser ter uma idéia dos ingredientes, a sessão de auto elogio continua em cada história, quase pedi para o garçom trazer o "prato do dia". A fila na porta é incompreensível, mesmo tendo mesas vagas, algumas ficaram vagas por pelo menos 30 minutos, as hostess não encaminhavam ninguém para essas mesas, como se tivessem o sádico prazer de provocar um bubrburinho na frente do restaurante, como que, se isso fosse uma coisa boa. Sobre o cardápio e as bebidas, posso dizer que a carta de vinhos não chama atenção, os drinks são bons, mas os pratos não são, pedi um prato chamado "CONFIT DE LAPIN A “SÍLVIO DE ABREU”..." o coelho estava duro e o prato não tinha sabor, então desisti de jantar.
Os pratos não valem o preço que pedem, tem dezenas de lugares melhores em São Paulo.
Dica: Bom para ir com paciência, mas se quizer ir faça a reserva e não pague o mico de ficar na fila com cara de cachorro molhado.
 
Fui uma vez até este restaurante. Sem contar o tempo que eu seguia o Twitter oficial deles e salivava com cada foto que eles postavam.

Não preciso dizer que estava com minhas expectativas lá nas alturas - o que é sempre um problema para mim. Cheguei numa terça-feira a tarde (eu acho, faz um tempinho) e a casa estava cheia, mas não abarrotada. Havia lugar para sentar tranquilamente.

Os garçons são bastante simpáticos e atenciosos. O couvert (com pãeszinhos) era bem bom (e não era caro). Como não bebo álcool, pedi refrigerante para acompanhar um picadinho da casa - sim, eu vou ao Paris 6 e peço picadinho :P Mas era a recomendação do dia, e como não conhecia a casa, resolvi arriscar.

Vinha bastante comida - nada de PêéFe, glr - inclusive com dois pasteiszinhos (minha perdição), mas eram de quejio =///

Cada prato da casa tem um nome de alguém famoso. Eles são todos das artes lá. Toda peça que eu vou assistir tem o apoio do bistrô, além de que - se vc levar o ingresso - vc troca por um vinho da casa (não sei se continua assim).

O que eu achei de toda a experiência? Muito bacana, curti o lugar, a comida era boa, mas eu achei cara. Não que não valesse a pena, mas eu, estudante, estagiário, não posso frequentar com tanto afinco. Eles tinham uma promo para seguidores no Twitter, que diminuía bastante o preço final, mas eu acho que eles não consideraram pq a conta de cada um deu por volta de 70$. Não discutimos, para não perder o clima.
 
É um dos meus lugares prediletos em São Paulo. Ambiente, atendimento, pratos, bebidas e sobremesas me conquistaram! Tudo lá é de boa qualidade e com um toque refinado.
Na minha visita cheguei bem cedo, antes das 20 hs, em uma terça-feira, então consegui pegar um ótimo lugar na varanda. Os dois ambientes são um charme.
Para comer fui de steak tartare, muito saboroso e bem apresentado. Custava por volta dos R$ 30.
Para beber, vinho da casa que para minha grata surpresa era muito bom, principalmente pelo preço (R$50), que para o nível da casa, estava reamente saindo em conta.
O atendimento é muito atencioso, garçons educados e simpáticos. Na ocasião o chef mandou o garçon escolher um cliente para ser presenteado com uma sobremesa de-li-ci-o-sa de cortesia, e fomos nós os sortudos. Se tratava de um sufle de chocolate que acompanhava sorvete de creme. Maravilhoso! Claro que isso só nos deixou mais encantados com o Bistrô.
Outra vantagem é ele funcionar 24 horas, mas se sua intenção é de tomar umas e outras, saiba que lá servem bebidas alcóolicas só até as 4 da manhã.
Frequentado por vários famosos, na noite em que fui, tinha até uma paparazzi grudada a porta do banheiro esperando uma cantora sair de dentro.
Possui serviço de valet.
Enfim, recomendo esse lugar para quem gosta do que a cidade oferece de melhor. Não deixe de conhecer essa delícia que é o Paris 6.
Dica: Peça vinho da casa. Pra quem gosta, o steak tartar de lá é fantástico.
Bom para: Ir com amigos, Casais, Jantar, Almoçar, Tomar café-da-manhã, Ir de madrugada, Vinho, Reuniões de negócios, Happy hour
 
Se puder visitar o local no dia de apresentação do sommelier o local fica mais atraente. É bom para jantar a dois e comemorações. Há um ambiente superior para reuniões. Créme bullée é a recomendação local.
Bom para: Ir com amigos, Casais, Famílias, Jantar, Almoçar, Vinho, Reuniões de negócios, Realizar conferências, Realizar eventos pessoais, Experiências gastronômicas
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 115

Escrever opinião


Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu login (Você não perderá a opinião escrita)
O Kekanto não é autor e não endossa nenhuma das opiniões e/ou comentários. Eles são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. Para mais informações acesse nossos termos de uso.

Check-ins

Total de check-ins
77
Seus check-ins aqui
0