Palácio Quitandinha

Endereço: Av Estados Unidos, 2, Quitandinha , Petrópolis , RJ - Brasil

Telefone:

(24) 2245-...

Clique para ver
Categoria:

Ar Livre

  | Rank: 1º de 5
Primeira opinião
LeoK
Formas de pagamento
Crédito:
Débito:

cash, credit card, debit card
Detalhes
  • Estacionamento


Como chegar
Salvar favorito
Reportar problema
Sou dono
Escrever opinião
Como chegar - Traçar rota

  • Cadastro

http://br.kekanto.com/como-chegar/palacio-quitandinha
Dicas
Conheça cada canto do grande palácio.
LeoK
Boliche!
paulo r.
Parada obrigatoria para tirar fotod
Cynara P.
Opiniões
Lugar muito lindo para passear em família ou a dois. Realmente é uma cartão postal de da cidade de Petrópolis (que adoro). O Palácio tem uma estrutura toda européia, colonial...lindo. Pude conferir de perto a programação do Festival Sesc de Inverno na região Serrana. Muitas brincadeiras ao ar livre para crianças e adultos, inclusive slack line que é um esporte bastante divertido e tudo isso gratuitamente. Uma coisa bem interessante que percebi foi o acesso livre com rampas para cadeirantes. Para completar o famoso pedalinho que não pode faltar. Atividade bastante relaxante...Pra você que não quer se cansar muito tem o pedalinho motorizado. O estacionamento mesmo estando cheio sempre tem vagas disponíveis e quem toma conta geralmente são os "flanelinhas" que cobram aí em torno de R$ 2,00. O espaço do Quitandinha ainda conta com um restaurante independente chamado Churrascaria Lago Sul onde você pode almoçar e apreciar a vista do lago. Vale a pena!
O palácio Quitandinha fica aproximadamente a 15 minutos do centro de Petropolis.
Uma construção digna de uma cidade imperial.
Em frente ao palácio tem um belo jardim florido e um lago, onde é possivel alugar pedalinho para poder curtir e admirar a paisagem e a tranquilidade que a cidade proporciona.
O lago é cheio de carpas gigantes, um rapaz vende comida para os peixes. A atração das crianças é alimentar os peixinhos famintos!
É um bom passeio em família.
Não entrei no palácio, pois na entrada não tinha nenhuma informação sobre sua visitação e eu também não pesquisei antes de ir.
Vale fazer belas fotos em frente ao Quitandinha, cartão postal da cidade.
Meu "cantinho" durante as férias da minha infância. Meus avós tinham uma casa próximo do Quitandinha e frequentava com meus irmãos diariamente as suas instalações. Os enormes halls de acesso aos diversos salões com mobiliário de época permitem um retorno imediato ao anos 40. Brinquei muitos carnavais com chuva de confete e serpentina nestes salões. Depois do passeio é obrigatória uma parada na cafeteria para um chocolate quente observando a vista do lago. Administrado hoje pelo SESC, abriga eventos e exposições interessantes. Ainda pode ser utilizado como hospedagem pelos felizes proprietários dos apartamentos.
Primeira opinião do lugar
Antes de qualquer coisa: Parabéns ao SESC!!!!

Como vou muito à Região Serrana do Rio, conheço a tempos o Palácio Quitandinha. Inaugurado em 12 de Fevereiro de 1944 e erguido para ser o maior Cassino Hotel da América Latina, sem dúvida é de impressionar pela grandeza e vultosidade da construção e de seus vários espaços, salões e misteriosos corredores. Antes da reforma promovida pelo Sesc, eu como um curioso nato, consegui entrar em lugares do Palácio onde visitantes comuns não entraram... eram lugares obscuros e decadentes, como se fossem aqueles palácios assombrados de filmes, com várias passagens secretas. Nos ambientes normais, tudo muito grandioso, onde podemos encontrar, por exemplo, uma das maiores cúpulas do mundo, com 16 metros de altura e 51 metros de diâmetro, comparada à Catedral de São Pedro em Roma, é um lugar onde o eco é tão evidente e forte, que conseguimos responder à nossa própria pergunta como se fosse uma conversa... é fantástico!

O porquê de parabéns ao Sesc? Explico agora: Depois de anos, com o Palácio sofrendo com a deterioração do tempo, o Sesc adotou a parte turística do Palácio, onde reformou todo o espaço e permite uma visitação maravilhosa! Todo espaço e iluminação revistos, com toques de tecnologia no salão da fonte (hoje salão das borboletas), onde encontramos grandes telas sensíveis ao toque, com informações das espécies de borboletas, excelente para as crianças, que podem montar seu próprio espécime.

O Palácio também abriga um dos maiores teatros da América Latina, com capacidade para 1.100 lugares (antigas contagens e com três palcos giratórios, além de importantíssimos salões, como o "Salão das Convenções" onde foram realizadas grandes reuniões, tal como a "Conferência Interamericana de Manutenção da Paz e Segurança" em 1947, com presença de Getúlio Vargas e Evita Perón, além disto tudo, ainda possui uma piscina em seu interior, em forma de piano de calda e com profundidade que chega a 5 metros. O salão abaixo das escadarias do Salão Mauá, que estava abandonado, hoje é uma pista de patinação no gelo, e a cozinha anexa, que antes não tinha iluminação, era sombrio e cheirava mal, hoje é um moderno salão de boliche, com uma entrada fantástica!

Para entrar, o Sesc cobra R$ 6,00 por pessoa, metade para estudantes ou comerciários. O boliche custa R$ 30,00 a hora (também cobra-se metade para comerciários). A entrada agora é feita pelos fundos do Palácio, não confundindo com a entrada principal que serve o Condomínio Quitandinha, com seus 440 apartamentos em 6 andares. Vale a pena demais a visita e só não ganhou 5 estrelas porque ainda possui muitos lugares para serem reformados e abertos à visitação.
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 16

Nota geral Você conhece o Palácio Quitandinha? Escreva uma opinião! Dê sua nota!
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Melhores da categoria