Museu do Futebol

Endereço: Praça Charles Miller - Estádio do Pacaembu , São Paulo , SP - Brasil - 01234-010

Telefone:

11 3664-38...

Clique para ver
Categoria:

Museu

  | Rank: 6º de 65
Preço por pessoa
$$$$ (Até R$15)
Bom para
Famílias
Horário de funcionamento
Ter.
9h - 17h
Qua.
9h - 17h
Qui.
9h - 17h
Sex.
9h - 17h
Sáb.
9h - 17h
Dom.
9h - 17h

Horário de funcionamento sujeito a alterações em dias de jogos vesp
cash
Primeira opinião
Liliane Rodrigues...
Detalhes
  • Acesso para deficientes
  • Ar condicionado
  • Proibido fumar
  • Visita monitorada
  • Ingresso: R$ 6,00
  • Estacionamento: Talao zona azul

Como chegar
Salvar favorito
Reportar problema
Sou dono
Escrever opinião
Como chegar - Traçar rota

  • Lugares parecidos
  • Cadastro

http://br.kekanto.com/como-chegar/museu-do-futebol
Notas específicas:
Atendimento
(62)
Ambiente
(57)
Custo-benefício
(31)
Limpeza
(2)
Dicas
Aos sábados é de graça e o museu fica no Estádio do Pacaembu
Nobu T.
As terças-feiras a entrada é gratuita.
Ivair L.
Agende a visita!
Edna
Não apareça no feriado que estará lotado.
Adriana A.
Indico a todos, gostem de futebol ou não, para ir com a família, amigos.
Elcio L.
Ver mais
Opiniões

Vista aérea do Estádio do Pacaembu. Foto: Caio Pimenta/ SPTuris.

Localizado no bairro de Higienópolis, o Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho (Pacaembu) foi inaugurado no dia 27 de abril de 1940 e até hoje é utilizado pelos principais clubes da capital paulista.
Seu nome é uma homenagem ao Paulo Machado de Carvalho (1901-1992), chefe da delegação da seleção brasileira nas copas de 58 e 62. O Pacaembu (como é conhecido por todos), hoje, tem capacidade para receber até 40 mil pessoas, em jogos oficiais. Recentemente, recebeu duas finais da Copa Libertadores da América: em 2011, entre as equipes de Santos e Peñarol (URU), e em 2012, entre Corinthians e Boca Juniors (ARG), ambos os jogos vencidos pelas equipes brasileiras.

Hoje, o estádio recebe jogos das equipes do Corinthians, Palmeiras e Santos, além da decisão da Copa São Paulo de Juniores. Porém ele é conhecido como a casa do Timão, pois a equipe é o time que mais jogou no Pacaembu, na história.

Museu do Futebol. Foto: José Cordeiro/ SPTuris.
Museu do futebol. Foto: José Cordeiro/ SPTuris.

Em 29 de setembro de 2008, foi inaugurado o Museu do Futebol. O projeto ocupa área de 6,9 mil metros quadrados embaixo das arquibancadas do estádio. Sua arquitetura se destaca por integrar os espaços: o teto é a própria arquibancada, uma passarela liga os lados leste e oeste do prédio e permite uma bela visão da Praça Charles Miller.
Três eixos norteiam o passeio pelo museu: Emoção, História e Diversão. O visitante começa o percurso no saguão de entrada, batizado de Sala do Torcedor, onde estão reunidos objetos utilizados pelos torcedores como chaveiros, cinzeiros, flâmulas, broches e bandeiras.

Depois de torcer, é hora de se sentir entre os ídolos. A pessoa circula entre grandes painéis suspensos da Sala Anjos Barrocos, nos quais são exibidas as imagens em movimento de craques como Pelé, Falcão, Zico, Bebeto, Didi, Romário, Ronaldo, Gilmar, Gérson, Sócrates, Rivelino.

Personalidades como Zagalo, Armando Nogueira, Galvão Bueno, Juca Kfouri, Arnaldo César Coelho, Daniel Piza, João Gordo, Marcelo Tas e Ruy Castro narraram seus gols preferidos. Suas vozes podem ser ouvidas na Sala dos Gols. Gravações originais de Ary Barroso, Fiori Gigliotti, Oduvaldo Cozzi, Waldir Amaral, Jorge Cury e Osmar Santos estão disponíveis na Sala do Rádio.

No eixo “História”, a Sala das Origens mostra a importância da fusão étnica em nosso futebol com fotos e um vídeo. Na Sala dos Heróis são apresentadas personalidades brasileiras que marcaram o século, entre elas jogadores como Leônidas da Silva e Ademir da Guia. Dentro de um túnel fechado, o visitante experimenta a sensação do “Rito de Passagem, a copa de 50”. Taças gigantescas formadas por quadros e telas de cristal líquido mostram as principais características do país nos períodos entre as Copas do Mundo. A Sala Experiência Pelé e Garrincha é uma homenagem aos craques que nunca perderam uma partida jogando juntos.

Museu do Futebol.
Situado no estádio do Pacaembu, embaixo das arquibancadas, o Museu do Futebol conta com um vasto acervo de fotografias, matérias de jornal, filmes, programas de rádio e outras preciosidades sobre o esporte.

Destaque para a sala sobre as copas do mundo, que apresenta em detalhes os momentos mais importantes de cada edição da competição, além do seu contexto político, econômico e social na época. A visitação é de graça às quintas-feiras.
Grátis aos domingos, apresenta 3 andares que contam toda a história do futebol brasileiro. Este ano, com a exposição sobre a seleção brasileira, exibe de maneira super interativa toda a passagem da seleção pelos mundiais que jogou e suas curiosidades. O último andar ainda tira dúvidas e explica melhor sobre o futebol como esporte e permite uma visita ao Pacaembu.
Não parece que estamos em um museu no Brasil, até mesmo em São Paulo. O Museu do futebol é um exemplo de organização, riqueza de detalhes, emoções e tecnologia.
É um passeio obrigatório aos amantes de futebol e àqueles que não gostam também, pois vão se surpreender com a estrutura.
Destaque para a área das torcidas, localizada embaixo das arquibancadas do Pacaembu, a emoção de ouvir os gritos das torcidas é algo incrível.
Pra quem não conhece a história do futebol brasileiro e dos mundiais é o lugar certo a visitar.
Há uma sala muito interessante com inúmeras fotos do século passado, todas em preto e branco, retratando a sociedade brasileira de época, no início dos times e dos jogos nacionais.
Outro ambiente interessante é a parte onde são exibidos vídeos das torcidas brasileiras e o áudio das vozes em uníssono dos torcedores nos faz sentir realmente na arquibancada! É emocionante!
Há a possibilidade de jogar de forma interativa tabelando a bola com Neymar Jr e mandando pro gol ou bater um pênalti e depois tirar uma foto que fica disponível no site.
Na semana das semifinais da Copa estava repleto de visitantes estrangeiros que pareciam gostar muito do que viam!
Recomendo pra quem gosta muito de futebol!
Opção turística agradável e muito barata em São Paulo. O preço para entrar no museu é baixo (R$ 6,00 a inteira, sendo que uma vez por semana a entrada é franca) e a visita vale muito a pena.

Para quem gosta de futebol como eu e estiver em são paulo, é quase que uma obrigação conhecer o museu. O ponto alto é a sala com telões gigantes que reproduz os cantos das torcidas dos principais times do país (é de arrepiar !).

O museu possui um imenso acervo que conta a história do futebol mundial e principalmente do Brasil. Destaque para a sala dedicada à história das Copas do Mundo vencidas pelo país e à sala que possui objetos e fotos de quando o futebol se iniciou por aqui.
Um dos meus museus favoritos em São Paulo, e olha que eu nem sou fã de futebol. Só não dei a quinta estrelinha porque não deixam fotografar lá dentro, o que eu acho uma chatisse. O museu funciona embaixo das arquibancadas do Pacaembu, então tem que tomar cuidado: em dia de jogo o museu está fechado. Por dentro o museu é lindo, dá até um orgulhinho, sabe? É tudo muito colorido, interativo, chama realmente a atenção. Dá pra passar bastante tempo lá dentro. E ainda tem um lugar que dá acesso ao estádio, ai vc tem uma vista linda do gramado (pois é, eu nunca tinha visto um estádio por dentro ao vivo). Super recomendo até pra quem não é fã do esporte.
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 172

Nota geral Você conhece o Museu do Futebol? Escreva uma opinião! Dê sua nota!
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)