Anuncie no Kekanto

Quer receber ofertas do Jardim de Nápoli?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos. Cadastre-se e receba os descontos
f
Jardim de Nápoli

Jardim de Nápoli

Rua Martinico Prado, 463
Consolação - São Paulo , SP - 01224-010

Telefone: 11 3666-3022 /3825-0297


Preço por pessoa:

$$ (De R$26 até R$50)

Categoria:
Restaurante Italiano
Ranking: #5 de 388
Site oficial:
jardimdenapoli.com.br
Formas de pagamento:
Crédito:
Débito:
Horário de funcionamento:
Seg. a Sab.: 12h às 15h e 18:30 às 23:30
Dom.: 12h às 17h e 18:30 às 23:30
Primeira opinião por:
Fernando O.
Detalhes:
Acesso para deficientes
Ar condicionado
Mesas ao ar livre
Proibido fumar
Área para fumantes
Wi-fi
Couvert
Música
Estacionamento: R$10 com manobrista

Quer receber ofertas do Jardim de Nápoli?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos para todos os seus consumidores. Registre-se e receba gratuitamente todos os descontos

Publicidade
Notas específicas:
Ambiente
(18)
Atendimento
(18)
Bebida
(16)
Custo-benefício
(17)
Comida
(17)
Mostrar:
Dicas  (19)
vbfranca
Vá com tempo para degustar os sabores.
vbfranca
André Leiras Prujansky
Chegue bem cedo ou mais no final da noite para evitar longas filas!!!
André L.
Henrique
Tem um express no Patio Higienópolis, que é bem próximo!
Henrique
Classificar por:
Opiniões   (46)
 
Local simples e não amplo, mas com porções fartas e saborosas. O porpetone é bem apetitoso.
Bom para: Ir com amigos, Ir com crianças, Casais, Famílias, Ir sozinho, Jantar, Almoçar, Vinho, Cerveja, Reuniões de negócios, Realizar eventos pessoais, Experiências gastronômicas
 
O Jardim de Nápoli é uma cantina tradicional, famosa pelo seu delicioso polpettone - tão famosa que existe até uma unidade "express" no shopping Pátio Higienópolis.

O ambiente é típico de cantina, simpático e sem luxo, com toalhas xadrez e vinhos pendurados.

Aos finais de semana a noite, a casa costuma ficar cheia. Porém, das duas útimas vezes que eu fui, apesar de terem estimado a espera em meia hora, a mesa ficou pronta em cerca de 10 minutos. Portanto, não vejo necessidade de pedir entradas, até porque os pratos não demoram muito.

Caso a fome seja grande, peça um antepasto: já provei a berinjela, o funghi e a alcachofra, todos ao alho e óleo e com pão italiano. A alcachofra é de longe a melhor (não é em conserva)!

Dos pratos principais que eu provei, todos eram uma delícia. Meu preferido é o linguine alla crema con funghi freschi. O molho branco deles é um dos melhores que eu já vi! Vale a pena pedir um polpettone para dividir, pois ele é bem grande e os pratos já são bem servidos.

O atendimento não é de primeira, pois os garçons parecem estar sempre correndo. Porém eles são simpáticos e nunca me deixaram na mão.

Apenas uma ressalva às maravilhas da casa: semana passada fomos meu namorado, meu pai e eu jantar lá. Meu namorado tinha finalmente convencido meu pai a deixar ele pagar a conta do jantar. Quando chegou a hora de pagar, o restaurante não aceitava Visa, e tanto meu namorado como meu pai haviam levado apenas Visa. Resultado, sobrou pra mim o pagamento da conta.
Dica: Lembrar antes de sair de casa de levar um cartão que não seja Visa
Bom para: Comer até dizer chega
 
possui um prato que é sua marca registrada,o polpettone a la parmeggiâna ( massa de carne recheada com mussarela com cobertura de molho vermelho,, muito apetitoso..) existe outros pratos deliciosos : tortiglioni al ragu ( parafuso com molho carne cebola champingnon) ou suas tradicionais pizzas..
Dica: para admiradores de comidas italianas, é uma das mais famosas de são-paulo, deve conhecer a casa.
Bom para: Experiências gastronômicas, Realizar eventos pessoais, Vinho, Cerveja, Drinques, Famílias, Ir com amigos, Ir sozinho, Casais, Almoçar, Jantar
 
Local simples e não amplo, mas com porções fartas e saborosas. O porpetone é bem apetitoso.
Bom para: Ir com amigos, Ir com crianças, Casais, Famílias, Ir sozinho, Jantar, Almoçar, Vinho, Cerveja, Reuniões de negócios, Realizar eventos pessoais, Experiências gastronômicas
 
Ontem fomos conhecer uma cantina em Higienópolis que foi super indicada por um grande amigo nosso. Aproveitamos a visita do meu irmão de Floripa e de outro grande amigo de Curitiba e fomos conhecer o Jardim de Nápoli.

Essa tradicional cantina de São Paulo teve suas portas abertas em 1949, inicialmente servindo pizzas, mas logo teve o cardápio enriquecido com carnes e massas caseiras.

O lugar é lindo, simples e aconchegante, com centenas de garrafas de vinho espalhadas por todo o restaurante, salames artesanais pendurados e antepastos à mostra em um balcão refrigerado na entrada do restaurante.

Começamos os trabalhos com pães italianos fresquíssimos e alguns antepastos como esta espetacular sardella. Uma das melhores que já comi, notóriamente feita com o alichi batido na ponta da faca, sem mixer ou liquidificador, muito suave, mas com sabor marcante do peixe.

Em seguida, resolvemos provar a linguiça calabresa artesanal da casa, temperada com erva doce e servida frita. Muito boa.

Para finalizar as entradas, pedimos somente uma prova da mesma linguiça artesanal, desta vez servida in natura... teve até uma discussão na mesa pois achamos que o garçon tinha errado o pedido e trazido presunto crú no lugar, mas a surpresa foi quando o garçon nos falou se tratar da mesma linguiça servida frita anteriormente. A erva doce caiu muito bem, dando um frescor na boca e transformando essa experiência... comparada com a versão frita, a calabresa natural ficou infinitamente melhor.

Você diria que a foto abaixo se trata de linguiça calabresa caseira??

Os pratos da casa são individuais, então pedimos duas massas e duas carnes para 4 pessoas. Os pratos foram servidos juntos e montados um pouco em cada um, para que pudéssemos experimentar de tudo.

As carnes que pedimos foram, um "Filletto Alla Pizzaiola con Funghi Freschi" que era um Filé mignon grelhado e servido com tomates frescos em pedaços, azeitonas e cogumelos shitake...

... um "Fettuccini verdi al Giardino" que era a massa fresca de espinafre, com uma combinação de molho de tomates e molho branco com cogumelos e parmesão.

... um excelente gnocchi al sugo, com um molho de tomates realmente diferenciado. O frescor e a suavidade deste molho me impressionou muito...

... e é claro que não podíamos deixar de comer o carro chefe da casa, um único e enorme Polpettone alla Parmigiana, recheado com muzzarella e gratinado com muito molho de tomate e queijo parmesão ralado...bem crocante por fora e macio por dentro.

O restaurante fica em uma rua tranquila em Higienópolis e todos os funcionários parecem estar na casa desde seu início.
Para quem for conhecer o lugar, vale a pena chegar cedo ou mais tarde, evitando os horários de maior movimento devido às grandes filas que se formam na entrada, como em todos os bons restaurantes da cidade.
Dica: Chegue bem cedo ou mais no final da noite para evitar longas filas!!!
 
Sem dúvida, uma das melhores cantinas de São Paulo e um dos melhores polpetonnes do mundo!

Não é barato, mas vale como experiência gastronômica e a qualidade justifica a longa espera nos horários de pico e finais de semana.

Para quem fica na espera, eles oferecem opções de petiscos, mas cuidado, o preço desses petiscos não são muito baixos.

O atendimento é excelente, prestativos e eficientes, explicam cada prato e sugerem opções.

Enfim, como quase todas as resenhas falam, é um lugar ímpar e que vale a pena conhecer.
Dica: Polpetonne
Bom para: Ir com amigos, Casais, Famílias, Jantar, Almoçar, Vinho, Experiências gastronômicas
 
Não poderiamos passar por Sampa sem explorar o lado italianíssimo da cidade. Por recomendação de um amigo, nos tocamos para o Jardim de Napoli, a casa da receita de Polpettone mais famosa que se tem notícia.

Chegamos lá, e como era de se esperar, o atendimento foi super caloroso, bem italianão. O Bráz, maitre e sommelier da casa, é uma figura cativante da qual absolutamente todos se despedem antes de ir embora. Clima muito família.

Ficamos encantados com a decoração: muito vermelho, muito verde, muito cantina. Parecia que a famiglia Soprano chegaria há qualquer momento.

A ordem era experimentar o Polpettone alla Parmigiana, lógico. Não fugimos dela, mas não ficamos só nisso. Pedimos um Fettuccini Verdi al Giardino (combinação de molho vermelho com branco, cogumelos shitake e parmesão ralado) junto, pra dividir metade-metade. Dio mio, che piacere! Na nossa cabeça o Polpettone era basicamente uma almôndega gigante sem nada de mais. Descobrimos que é bem diferente, pois trata-se de um almondegão achatado, feito com alcatra e filé, recheado com mussarela e servido com molho espesso de tomate. Falando sério, só comendo pra compreender o lance.

O clima de cantina pede um vinho. Escolhemos um Miolo Terranova Shiraz 2003. Meia garrafa, porque era meio-dia, e ainda tinha muita “água” pra rolar.Fim da jornada, menos 45 reais do bolso de cada um, mas dezenas de motivos para sorrir ao longo do dia.
 
Logo que cheguei em São Paulo me apresentaram uma lista de 201 lugares que eu precisava conhecer e uma delas era comer o melhor polpettone da cidade no restaurante Jardim de Napoli.

Cheguei a ir a alguns meses atrás com um casal de amigos e foi uma experiência tão bacana que agora lembrei do lugar e pensei: preciso voltar lá e escrever no blog. Tudo isso porque o polpettone deles é simplesmente M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O!!!

Então, hoje véspera de feriado resolvi que meu almoço seria lá. Chegamos por volta das 12:45 sem reserva e fomos acomodados na hora em uma mesinha que escolhi lá no canto próximo a adega. Mas, o restaurante está sempre cheio e as vezes pode gerar uma espera. Tivemos sorte, ainda bem!

A cantina é bem estilo italiano, é um restaurante pequeno, com toalhas quadriculadas e cheia de quadros e decoração que remetem a Itália. E como boa comida italiana as porções são super bem servidas ao ponto de você poder dividir para duas pessoas e ficar bem satisfeito. A primeira vez que fui pedi uma massa só pra mim e acabei deixando mais da metade do prato. Então, essa é uma boa dica até pra você economizar um pouco e evitar o desperdício.

A casa tem um couver com pães e manteigas, mas também uma série de antepastos que você pode escolher algumas opções e que casam super bem com os pãezinhos. Para ter uma ideia da diversidade olha o balcão cheio de opções a vista pro povo começar comendo com os olhos quando está indo para mesa.

Como sabia que as porções eram bem fartas e estava no meu horário do almoço decidi que não ia prolongar a refeição com entrada e couver e fui direto ao ponto: o Polpettone. Você pode escolher entre o tamanho normal ou o P. O tamanho normal sai por R$ 45,00 e você consegue dividir para duas pessoas tranquilamente.

Já tinha lido alguns comentários referente as massas de lá... existem várias opções de massas secas ou frescas e a pedida dessa vez foi um linguine a la crema, que é uma massa cumprida com molho a base de creme de leite e parmesão que sai a R$ 36,00 e que você também pode dividir. Para ter ideia da quantidade de comida tirei uma foto dos dois pratos servidos. #nham

Fiquei surpresa pois o pedido foi servido super rápido. Muito bom pois eu estava faminta, rs...
Tudo muito delicioso a massa ao ponto e o molho branco combinou perfeitamente com o molho ao sugo do polpettone que é crocante por fora e com muito queijo derretido por dentro. Até tirei uma foto da lateral do polpettone para vocês terem uma ideia e ficarem com muita, mas muitta água na boca.

Vale muito a pena conhecer principalmente para uma refeição mais prolongada a noite acompanhada de um bom vinho e claro uma boa companhia. Bon apetit!

Ps: descobri no site que além da cantina eles tem uma loja também no Shopping Higienópolis, mas essa eu ainda não conheço para contar pra vocês. Mas, fica a dica.
Dica: Dividir os pratos, pois as porções são enormes
Bom para: Ir com amigos, Casais, Jantar, Almoçar, Vinho, Famílias
 
O melhor polpetone.....

Jardim di Napoli

Típica cantina italiana
Aberta desde 1949, mantém a mesma tradição há três gerações. A Jardim di Napoli possui uma decoração típica de cantina, com vinhos pendurados por toda a casa, cortinas e toalhas em xadrez e vários quadros com fotos de deliciosos pratos, que aguçam o apetite. Os clientes saboreiam os pratos o som de músicas italianas.
Melhores opções do cardápio
É famoso o Polpetone alla Parmegiana (bolo de carne moída, recheado com mussarela e coberto com molho de tomate e parmesão), criação do próprio restaurante.


Endereço
Rua Dr. Martinico Prado, 463 - Higienópolis
Sao Paulo - SP
Contato
Fone: (11) 3666-3022
 
Uma boa refeição é sem dúvida uma das melhores formas de dar início a um novo ciclo. Melhor ainda em boa companhia e harmonizado com um bom vinho.

Em cena, o polpettone alla parmigiana do tradicional Jardim de Napoli, que fica no bairro de Santa Cecília.

Tradicional restaurante italiano fundado em 1970 especializado em massas e, segundo alguns amigos, também conta com uma das melhores pizzas da cidade (eu sempre peço o polpettone, não tem jeito).
 
É mais uma cantina classica italiana, que há décadas reune um contigente fiel de comesais.
Seu famoso polpettone é inconfundível, em sabor e fartura. considerando uma das referencias gastronomicas de São Paulo.
Bom para: Ir com amigos, Famílias
 
Depois de muito tempo retornei ao Jardim de Napoli.

Couvert.

Como não da para deixar de pedir o clássico polpettone e eu também queria uma massa, meu pai pediu o polpettone e eu um gnocchi rose (massa fresca de batatas, combinação de molho de tomates com molho branco branco e parmesão ralado), e dividimos metade de cada prato.

O polpettone estava uma delícia como sempre, crocante por fora e saboroso. Já o gnocchi foi um bom acompanhamento, mas não surpreendeu.
 
Não tenho nada a reclamar quanto ao atendimento e as instalações. Tivemos que esperar um pouco para sentar, mas nada fora do normal. A comida estava boa, nada excepcional.

Contudo, achei que os preços não são condizentes. Por exemplo, um copo de suco de laranja, por volta de 300 ml, R$ 8,50; uma porção de arroz pequena R$ 18,50. Os pratos são exatamente o que está no cardápio, não tem nenhum acompanhamento, são individuais mesmo: Um prato de macarrão R$ 48,00. O polpetone, que é o prato mais conhecido da casa, é bom, mas pagar R$ 55,00 apenas pela porção de carne moída, que não é grande, acho um pouco exagerado.

Já comi em outras cantinas(Lellis, Famiglia Manccini, Gigio, etc) com preços proporcionalmente melhores e com pratos muito bons.

A ideia que eu tenho de cantina italiana é de comida farta e bem servida.
Bom para: Experiências gastronômicas, Famílias, Almoçar
 
lugar muito bom o polpetone e delicioso e voce pode pedir para viagem.

eles tem uma rotisserie quase em frente ao restaurante, voce aproveita e ainda compra pao, azeite e outras coisas deliciosas.

Recomendo
Bom para: Ir com amigos, Ir com crianças, Casais, Famílias, Ir sozinho, Almoçar, Vinho, Cerveja, Drinques, Experiências gastronômicas
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 46

Escrever opinião


Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu login (Você não perderá a opinião escrita)
O Kekanto não é autor e não endossa nenhuma das opiniões e/ou comentários. Eles são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. Para mais informações acesse nossos termos de uso.

Check-ins

Total de check-ins
19
Seus check-ins aqui
0