HSBC Brasil

Endereço: Rua Bragança Paulista, 1281 , Santo Amaro - São Paulo , SP - Brasil - 04727-002

Telefone:

(11) 4003-...

Clique para ver
Categoria:

Casa de Shows

  |   3º melhor em Casa de Shows de São Paulo   3º melhor em Casa de Shows de São Paulo
Site oficial
hsbcbrasil.com.br
Primeira opinião
Liliane Rodrigues...
Formas de pagamento
Crédito:
Débito:

cash, credit card, debit card
Horário de funcionamento
Seg.
10h - 16h
Ter.
10h - 16h
Qua.
10h - 16h
Qui.
10h - 16h
Sex.
10h - 16h


Detalhes
  • Acesso para deficientes
  • Ar condicionado
  • Ingresso por telefone


Como chegar
Favorito
Sou dono
Reportar problema
Escrever opinião
Como chegar - Traçar rota


http://br.kekanto.com/como-chegar/hsbc-brasil
Notas específicas:
Atendimento
(16)
Custo-benefício
(20)
Ambiente
(16)
Dicas Ver mais
Opiniões
Him, Him, Him!!!!
Resolvi dar uma lida rápida antes nos comentários, para só então fazer a minha avaliação e percebi logo de cara que 95% das opiniões são completamente diferentes da minha, pois quem frequentou o lugar, foi assistir algum stand up comedy, algum show tranquilo, alguma peça ou até mesmo para festas particulares e formaturas. Já eu, tive o prazer de conhecer a casa no show da banda de love metal H.I.M (uma banda finlandesa em seu primeiro show ao Brasil)... VOCÊS JÁ PODEM IMAGINAR NÉ???

Desde o 12h na fila, que por sinal estava gigantesca (mesmo estando dividida em setores), embaixo de chuva, sem ter onde sentar, com gente do Brasil inteiro e muitos vendedores ambulantes em volta. Mas já no lado de fora as filas estavam bem organizadas e a toda hora os seguranças colocavam grades nas calçadas e ajeitavam a fila.

Quando as portas se abriram e consegui entrar (correndo, que nem uma loucaaaaaa, para pegar grade), os seguranças foram bem rápidos em pegar meu ingresso, minha carteirinha de estudante e revistar minha bolsa. Lá dentro a casa estava dividida em área premium, pista, camarote e mezanino. Fiquei na fila premium, e os seguranças também foram muito legais e atenciosos, conversaram bastante com a galera, pegavam objetos que caiam no chão, retiravam as meninas que desmaiavam, hauahuahau SIMMM!! E o principal: não ficaram na frente no palco na hora do show.

Achei o palco uma beleza (super baixinho, dava pra ver muito bem) e a qualidade do som também estava muito boa. Durante o show, os garçons passavam pegando dinheiro da galera que queria comprar água, cerveja ou qualquer outra coisa (pois claro que ninguém ia perder o lugar na grade para ir até o bar, haha),e achei caríssimo, assim como em qualquer outra casa de show, mas para que estava horas e horas na fila, valia a pena pagar R$6,00 em um copo de água.

O ar condicionado estava bem geladinho também, mas no dia estava um pouco frio, não sei dizer se o ar daria conta com tanta gente assim em dias mais quentes. No dia que fui a casa estava em sua lotação máxima, 5.000 pessoas. O estacionamento era bem caro, então se preparem. O banheiro??? Nem entrei...

Um ponto bem ruim é que a casa de shows fica muito longe de tudo. Eu sai do Tucuruvi e até chegar a Estação mais próxima (Granja Julieta), foram longas horas entre metrô e trem. O show acabou lá pelas 23h, e a sorte foi que bem na hora passou um ônibus que nos levou direto até o metrô e consegui chegar no último minuto. Mas dependendo do horário, só táxi mesmo. Mas no final a experiência foi muito boa, e assisti uma de minhas bandas favoritas bem de pertinho!!! ♥
Só posso dizer que a casa de show é boa, mas não dependa do atendimento. Poderia ser mais sutil, mas não vou ,e na minha opinião é uma porcaria de atendimento.

Fui já na casa algumas vezes, o vallet funciona bem para qualquer show que não seja rock, caso contrário, você mesmo deverá levar o seu carro ao estacionamento que fica a duas quadras da casa e voltar apé. E quando fui em um show que haviam mesas numeradas, houve uma confusão na hora do pagamento que um pouco de conversa resolveria, o funcionário deles foi tão mal educado que não adiantou chamar a coordenadora (que também não soube resolver o problema, mais por arrogância que falta de conhecimento), chamaram o responsável pela casa naquele horário. Este sim, foi bem cortês e nos esclareceu tudo e fazendo o pedido de desculpas, mas até então eu já havia perdido umas 3 ou 4 músicas do show e o que fez da minha noite uma lástima.

Como das outras vezes não necessitei de atendimento algum da casa, foi tudo ótimo.
É uma casa de show bacana. Já vi dois shows musicais nesse lugar e um show de comédia do Tom Cavalcante, quando a casa de chamava Tom Brasil ainda.
O espaço é ótimo é bem organizada e bonita. O banheiro também é bastante limpo.
A acústica para show musicais é ótima, fui da última vez para o show do Capital Inicial e gostei muito de tudo! O som estava perfeito e tudo estava ótimo, apenas o preço das bebidas e da comida é cara lá dentro, mas isso é praxe de Casas de Show. Sabendo disso eu e minha amiga resolvemos comer no posto de gasolina próximo de lá.
É possível chegar pelo trem Granja Julieta, porém tem que andar um pouco para chegar lá, aproximadamente 1 km. Se for de carro tem estacionamento próximo ou da para deixarão carro na ruas próximas.
Minha primeira passagem por essa casa foi no sábado (09/11/13) para assistir ao show do Djavan da turnê Rua dos Amores (e QUE SHOW diga-se de passagem como diria o corinthianissimo Neto!).
Eh incrivel como apesar do nome hsbc BRASIL (antigo TOM BRASIL) casa que abrigou varios shows e espetáculos incriveis seja tão.... simples! Ele fica localizado numa rua ao lado da marginal que se não fosse pelas barras luminosas eu não imaginaria que fosse ali!
Enfim, assim que vc entra vc chega numa "ante sala" onde o pessoal espera para assistir ao espetáculo e pode ir ao bar comer ou beber algo. O pró dessa Ante Sala é que eles convidam algum cantor(a) pra cantar e tocar músicas! Muito boa idéia! O contra é que a organização daquele dia permitiu a entrada para o show ANTES desse cantor(a) terminar seu repertório! E como se bem sabe o jeito paulistano de ser impaciente, ele(a) fica cantando pras moscas, ou pros educados que esperam!
Outra coisa q me chamou atenção foi o preço do cardápio... Imaginei que fosse caro MAS pagar 40 reais em 2 pães na chapa com queijo e tomate seco é demais!!!!
Quando entrei no lugar do espetáculo ja percebi outro problema, eles vendem ingressos demais pra pouco espaço! É um cadeira ao lado da outra com mesa do lado da outra! Se tiver algum incendio, apesar de VÁRIAS portas ENORMES de saída, ficaria MUITO dificil sair...
De resto não tenho o q reclamar, só o fato dos garçons pararem na sua frente durante o show para atender alguns pedidos, o lugar te da uma acústica incrível, com boa disposição do palco!
Noite maravilhosa em um lugar que consegue garantir uma excelência de espetáculo!!!
Domingo eu fui no HSBC Brasil e fiquei em uma mesa na pista, em frente ao palco. Geralmente tem shows, mas eu fui assistir Os Boêmios de Adoniran, pena que era uma única apresentação.
A peça é sobre a música do Adoniran Barbosa e a história do samba em São Paulo. Tem telões, segurança, atendimento rápido de garçons.
O HSBC Brasil é uma boa opção de casa de show em São Paulo, tem boa estrutura e é bem organizada.

Bastante ampla, nas duas vezes que fui tive ótima visualização dos locais que estava.

Nas duas vezes fui para eventos mais tranquilos, com mesas e cadeiras no local, nessa situação você imagina que terá um pouco mais de conforto e diferente disso achei apenas que em um dos shows as mesas estavam muito perto (grudadas mesmo).

As vezes tinha impressão que a pessoa da mesa ao lado estava sentada no meu colo (exagero rs), mas isso me causou um certo incomodo. Pois, esperava um clima mais intimista já que a "muvuca" a gente só esperava quando está em pé, e na pista!

Um ponto importante é a distancia, é sempre melhor ir de carro e ou táxi (o que pode ficar caro), alguns eventos acabam tarde e você pode ter dificuldade de ter acesso ao metrô. Pois, a maioria das casas de show ficam distante de metrô ( e o HSBC não seria diferente) e nem sempre tem muitas opções de transporte.

O preços são bastante salgados, não acho que compensa.

Embora tenha alguns pontos de melhoria( o que é bem natural), acho que é uma ótima opção, uma vez fiquei super perto do plano e uma outra mais distante e consegui curtir da mesma forma, e vi tudo (o que é bem importante).

Muito legal o lugar =)
Adoro shows, mas confesso que tenho uma preguiça sobrenatural de todo o processo de ir/voltar + suportar mil horas em pé. Por isso nunca tinha ido ao HSBC, até ontem!

Fui lá apenas uma vez, para um show de stand up, e achei a casa boa. O lugar é bem grande, e no dia eram mesas e cadeiras, o que atrapalhava um pouco - mas era conveniente com o tipo de apresentação. Além disso, não comprei um lugar muito bom, então fiquei bem atrás, mas mesmo assim deu para assistir razoavelmente ao show.

O preço das comidas/bebidas é bem acima do normal, do tipo uma Coca-Cola R$6. Outro problema é a distância, porque é bem (ênfase no bem) longe. Para mim, que moro na Mooca, tive que pegar metrô, fazer baldeação, pegar trem, descer na Granja Julieta e ainda pegar um táxi dentro do carrefour para chegar. Na volta o rolê foi maior ainda, como não consegui pegar táxi, fui até um ponto mais ou menos perto de lá e peguei um Terminal Pinheiros.

Tirando isso achei bom o lugar, só não recomendo se você estiver morrendo de fome e queira comer no lugar. E, se você for voltar tarde, melhor ir de carro e estacionar lá por perto.
Minha colação de grau foi realizada no espaço HSBC Brasil. É um bom local para eventos desse tipo, tem um hall de entrada, um segundo ambiente onde um espaço maior com um bar e a parte do teatro bastante amplo, mesas estilo restaurantes ao fundo (onde você pode comer e apreciar o evento ou o show) e no teatro a parte superior no mezanino (não subi lá, mas a visão parece ser boa do palco).

O problema está relacionado ao transporte... se você for de carro tem o vallet que dependendo do dia custa de R$30 a 40 para alguém parar seu carro na rua! ao menos tem seguro. E ainda tem que esperar um fila enorme na hora da saida até buscarem seu carro. Se você chegar cedo, até consegue parar na rua, mas o problema estão com os flanelinhas aproveitadores, cobram R$20 reais e ainda querem adiantado... A estação de trem mais próxima fica a quase 2km, se não estiver chovendo, pode ser um opção econômica rs
Fui no começo desse mês assistir ao show do Djavan. Nossa simplesmente perfeito!!
A casa é bem organizada, tem um ambiente logo na entrada, um bar, então você fica aguardando o show, nesse lugar agradável, no dia que fui estava tendo uma apresentação, nossa muito boa música, o bar servia lanches, porções, drinks.
Na hora de ir para as mesas, você nem precisava perguntar nada, logo vinha um funcionário, que levava todos para as mesas, achei ótimo, assim rapidamente todos estavam sentados em seus respectivos lugares aguardando o incrível Djavan entrar!!!!
Ótima experiência!!

Não conhecia o lugar e me surpreendeu bastante, fui assistir o espetáculo Hiperativo com o humorista Paulo Gustavo e a experiência foi muito boa.

O espaço não é muito grande, mas as mesas são bem espaçadas e com excelente distribuição, não afetando a visibilidade do palco.

As distribuições das caixas de som, telões e iluminação são excelente, o que garante uma boa experiência para o público.

Há diversos garçons muito bem espalhados pelos corredores e extremamente atenciosos, demonstrando eficiência tanto no atendimento quanto na agilidade de trazer os pedidos.

O único problema do lugar são os preços das comidas e bebidas, elevados, mas já é de se esperar de um lugar assim em São Paulo.
Eu tenho certa relutância em ir a shows. Pra mim é meio "festa estranha, com gente esquisita". O valor dos ingressos geralmente é alto, e socam todo mundo praticamente uns no colo dos outros. É um bacanal moderno.

Enfim, é só uma humilde opinião... Vamos lá: todas as casas de show, assim como as cartas de amor, são ridículas. Pelo menos no banheiro sempre tem uma moça limpando a porcaria que a mulherada faz. Os preços das coisas são mais altos, mas não extorsivos. Você tem de entender que está pagando por um serviço especial, num dia especial. Se quer, peça, se não quer, não reclame. Eu acho digno, tomar um espumante no colo de alguém que você acabou de conhecer pq está dividindo a mesa contigo.

A qualidade do som do HSBC foi infinitamente superior à do Credicard Hall. Não houve interferência, não estava ensurdecedor, e me permitiu ter meus minutos de alegria me emocionando com a artista. As pessoas é que são mal-educadas e insistem em aparecer mais que a própria cantora, mas aí não é problema da casa.

Um ponto negativo é o HSBC ainda ter serviço de cozinha e bebidas durante a apresentação. É um entra e sai infernal de garçons pq o povo não para de pedir. daí durante a música vc tem de se deparar com um facho de lanterna na sua cara, ou com o garçom atrapalhando sua visão.
Não sei se estou pouco acostumada com as estruturas de casas de show, mas não achei que o HSBC é um local ótimo pra shows. Não acho interessante o sistema de mesas em que uma parte das pessoas fica de costas pro palco e precisa virar as cadeiras para conseguir assistir ao show. E, pior, ao virar as cadeiras nos deparamos com a falta de espaço, já que as mesas são praticamente coladas umas nas outras. Resultado, até eu, que sou alta, enxerguei mal a cantora, já que não existe um desnível das mesas e um "mar de cabeças" fica na nossa frente (E eu estava na área 2). De uma próxima vez, escolherei ir no camarote, frisas ou ainda área "super vip", pagando "o olho da cara", para conseguir ter uma experiência decente de show.

Fora tudo isso, o local fica numa área que não facilita o acesso por transporte público. Parece que os estacionamentos são caríssimos, também.

Em outubro irei ao HSBC para outro show, num local melhor, e talvez mude minha primeira impressão.
1. INFO GERAL: Fui no HSBC assistir o BMW Jazz Festival
2. PREÇO: A meia-entrada foi R$50, sentei em uma mesa entre o meio e o fundo (os setores mudam de lugar dependendo do show), recomendo comprar com antecedência para não correr o risco de esgotarem os ingressos
3. AMBIENTE: O local é bacana, relativamente grande, infra-estrutura bacana para shows. A acústica é boa e tem 2 telões grandes. Não sei no camarote, mas no térreo as pessoas sentam em mesas de 4. Estava com um amigo e 2 desconhecidos. Ficou bem apertado na mesa, e pra encontrar o lugar e passar pelas cadeiras no escuro deu trabalho, pois estava bastante amontoado. Como as mesas estavam todas no mesmo nível, tive que esticar o pescoço para conseguir enxergar melhor o palco.
4. PÚBLICO: Muito bom, todos respeitaram o show e ninguém ficou falando alto ou causando durante as músicas.
5. QUALIDADE: As bandas que se apresentaram foram fenomenais, o show durou em torno de 4 horas e valeu muito a pena!
6. Fila/Espera: Tivemos que pegar os ingressos na bilheteria já que compramos pela internet, mas foi extremamente rápido!
8. Curti: A acústica, os telões, o palco, tem banheiro e ar condicionado. Também da pra pedir bebidas e petiscos na mesa. E tiveram intervalos de 10 min entre as diferentes bandas.
9. Falha: Foi bem complicado a locomação dentro do local, principalmente no escuro. Os garçons passavam na frente das mesas entregando pedidos, pessoas perdidas não encontravam os lugares e tinha gente esbarrando direto porque os corredores de passagem eram muito estreitos. O local poderia ser um pouco mais inclinados para as pessoas no fundo conseguirem enxergar melhor.
10. Dica: O local tem vallet , mas é um pouco caro e disputado, principalmente na saída. A estação de trem mais próxima é Granja Julieta ou Santo Amaro e é um pouco longe para ir a pé. Então se o show for terminar após as 0h (o trem não estará mais funcionando), recomendo pegar taxi ou parar em algum estacionamento na proximidade.
Como na maioria das casas de show, o estacionamento oficial é demorado quando acabam os shows e a demanda cresce muito. A bilheteria é ágil quando você compra os ingressos para internet mas o local para retirada em grandes shows, é pouco sinalizado. A disposição da sala é boa pois, mesmo nos lugares mais baratos, você consegue assistir bem ao eventos. Falta segurança para impedir pessoas de colocarem as cadeiras no corredor, atrapalhar os outros clientes e também para inibir aqueles que não respeitam o ambiente do espetáculo tirando fotos, filmando ou com atitudes inconvenientes.
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 53

Nota geral Você conhece o HSBC Brasil? Escreva uma opinião! Dê sua nota!
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota
Título da opinião

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)