Anuncie no Kekanto

Quer receber ofertas do Ferry Boat de Salvador?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos. Cadastre-se e receba os descontos
f

Quer receber ofertas do Ferry Boat de Salvador?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos para todos os seus consumidores. Registre-se e receba gratuitamente todos os descontos

Publicidade
Notas específicas:
Ambiente
(9)
Atendimento
(8)
Custo-benefício
(11)
Dicas  (13)
Ivana  Bonfim
Evite ir em dias de festas e feriados, pois as filas ficam gigantes. Se você é do tipo que enjoa fácil com o balanço do mar, leve remedios contra enjoos ou evite ir em dias chuvosos. Mesmo que esteja chovendo em Salvador, leve trajes de banho. E reze!
Ivana .
Laís Vilasbôas
Denuncie a má qualidade desse serviço e reze!
Laís V.
Classificar por:
Opiniões   (20)
 
Recentemente precisei usar os serviços do sistema Ferry Boat de Salvador e infelizmente como já era de se esperar foi uma tortura!
Fiquei impressionada como o serviço conseguiu piorar tanto em praticamente todos os aspectos!
Tudo já começa no momento que chegamos ao terminal marítimo. Um aspecto sujo, desleixado, desorganizado, com pintura precisando renovar, sem nenhum atrativo nem mesmo uma mera faixa de sinalização com um "Bem vindo ao terminal marítimo de Salvador", sinceramente nem parece que além de funcional o sistema Ferry também é um ponto turístico!
Como fui em um sábado a tarde pelo menos fila grande não peguei por outro lado todo o resto deixou bastante a desejar.
Inicialmente optei por lanchar antes de passar na catraca uma vez que não sabia o que encontraria na parte interna, assim escolhi uma entre as poucas lanchonetes(da parte externa) para o meu total arrependimento. Lembro de ter visto uma mulher comendo uma coxinha que tinha até um aspecto bom, então para tomar coragem de comprar perguntei se estava boa e ela respondeu: " Sim, esta ótima, uma delícia!" e mais uma vez fiquei convicta de que gosto é algo muuuuuuuuito particular! Misericórdia! Estava totalmente sem gosto, só tinha tamanho e beleza! E o refresco? Gosto de água com açúcar. O atendimento? Uma funcionária super mal humorada arf!!!
Salvando a pátria, para aqueles que não querem se arriscar com lanches de baixa qualidade, na parte interna existe uma franquia da Empada Carioca (mas eu já havia lanchado buááá...). Além disso, possui um senhor vendendo pipoca quentinha com sal e manteiga(o básico) a preço de R$1,00(Inacreditável!).
Ainda na sala de espera para o embarque, deparei com uma multidão de pessoas a maioria em pé pois não existe cadeiras suficientes para todos se acomodarem e muito, muuuito barulho.
Os banheiros? Faltando manutenção, funcionários, limpeza e até papel!
Para piorar, no momento do embarque após todos os carros entrarem, a maioria(inclusive eu) aguardava que fosse aberto o acesso exclusivo para pedestres (aquele corredor que nos leva exatamente ao salão do Ferry) quando de forma inesperada uma porta alternativa se abriu ao fundo e as pessoas correram desesperadamente entrando pelo mesmo acesso dos veículos, subiram aquela apertada escada que leva ao salão do Ferry com o intuito de conseguirem sentar em uma das cadeiras que não são suficientes para todos que embarcam. Acreditem, foi a verdadeira visão do inferno!
Muita gente em pé, outras sentadas no chão, algumas pessoas (aparentemente cadastradas pois usavam uma espécie de colete) vendendo uma coisa ou outra, funcionários do Ferry passava uma vez e nunca vendendo algo para beber e só!
O desembarque? Tão lamentável quanto o embarque! Mais uma vez os pedestres usaram o mesmo caminho dos carros. Como para sair do Ferry o procedimento é o inverso do embarque ou seja, os carros aguardam enquanto os pedestres desembarcam, pense no terror que foi ouvir aqueles mais apressados buzinando sem parar! Acho que aquela passarela exclusiva para o embarque e desembarque dos pedestres hoje serve apenas como enfeite sem função alguma!
Lamentavelmente não recomendo, sugiro que busquem alternativas como a lancha no Comércio ou até mesmo seguir por terra via BR!
Dica: Evite os dias de muito movimento!
Maria Beatriz Barros:
Como vc disse, a vontade política nesse caso, assim como a pressão popular, pq vê a ponte como "solução" para o ferry sucateado, vai empurrando para a construção dessa maldita ponte
Conteúdo inválido
Bruno R.:
Eles estão pouco se importando para pressão popular. Vide ultimas manifestações e o pífio resultado delas... a coisa toda é feita na cara de pau mesmo kkkkkkkkkkk
Conteúdo inválido
 
Haaa so me lembro dos tempos de ferias da escola quando passa horas na vila pra atravessar naquela epoca era valido o tempo pois sabia que o descanso era certo , mais hoje em dia ficar hora na fila e muito ruim , sem falar nas manutençoes que raramente são feitas , mas a viagem que dura entra 1 a 1:30 e bem tranquila e da pra aproveitar a paisagem !
 
Kekanto,me deixa dar meia estrela,vaaai?! Não pode não? #chateadíssima

Enfim. O Ferry Boat é velho conhecido de quem quer chegar até a Ilha de Itaparica,distante 14 km daqui. Localiza-se no bairro de Água de Meninos,afastado do centro. Difícil de desembarcar,mais ainda de transitar - os camelôs ocupam meio espaço na entrada com suas quinquilharias. Estacionamento não é dos melhores,a espera é desconfortável - muitas pessoas sentam no chão,principalmente em época de feriado,quando o movimento estoura e fica a olhos (ainda mais) vistos a desorganização e degradação do sistema.

As passagens estão cada vez mais caras, os ferries cada vez mais sujos e velhos,mal conservados,por dentro,uma verdadeira imundície e MAIS desconforto, com aquelas cadeiras duras (se quiser algo um pouco menos pior, pague ainda mais pelo catamarã,nem sempre disponível)...as cabines sanitárias dão show...de sujeira,é claro... Se você for de carro na travessia,cuide bem dele,ou roubam seus pertences,ou ele corre o risco de cair na água...
Caso algo aconteça,não há botes e coletes para todos. Alimentação? Uma mísera barraca que vende caro e salgados de má qualidade (há exceções).O ferry chegou no terminal? Não há a mínima organização na saída,colocando a segurança de muitos em risco (muito embora os pedestres/condutores de veículos tenham lá sua culpa). Em uma só palavra: HORRÍVEL!

Prefiro pegar a estrada ou a lancha no Comércio. Me estresso menos!
Yaz Montanari:
Ah,MAIS uma prova do despreparo né Avany. A falta de organização é tanta,que nem uma orientação sobre o assunto é passada. Devia,pois aqueles ferries condizem com seus nomes - na verdade a Maria Bethânia e a Gal Costa estão até mais cuidadas que eles #falomsm
Conteúdo inválido
 
Haaa so me lembro dos tempos de ferias da escola quando passa horas na vila pra atravessar naquela epoca era valido o tempo pois sabia que o descanso era certo , mais hoje em dia ficar hora na fila e muito ruim , sem falar nas manutençoes que raramente são feitas , mas a viagem que dura entra 1 a 1:30 e bem tranquila e da pra aproveitar a paisagem !
 
O Ferry Boat é uma das formas de se chegar à Ilha de Itaparica, juntamente com as lachas que fazem o trajeto Comércio - Mar-Grande e pela estrada, vindo de Santo Antônio de Jesus. A alguns anos o sistema Ferry Boat foi privatizado para a empresa TWB. Enquanto o serviço era controlado diretamente pelo Estado, o serviço não era bom e recebia diversas críticas, porém, com a privatização, tudo só piorou. os preços foram elevados e conseguiram o impossivel: Piorou ainda mais! Depois disso o sistema sofreu uma interverção, a TWB foi retirada do controle e outra empresa assumiu, e parece que as coisas começaram a melhorar, pois novas embarcações foram adquiridas e começou a regularização os horarios de saida e chegada das embarcações. Esperar pra ver se irá continuar a melhorar gradativamente
 
Reformaram as embarcações,deram uma mão de tinta,aparência melhorou.
No Fast Ivete e Ana Nery, acabaram com a sala VIP, pouco utilizada,ainda não sei se é um avanço ou retrocesso,vamos aguardar.
A travessia ainda é problemática,desorganizada e infelizmente sem o mínimo respeito às pessoas que utilizam esse meio de transporte.
Romperam o contrato com a TWB, mas nada mudou,fora a aparência interna das embarcações, o mesmo que pintar a casa por dentro e continuar sem limpar e bagunçada.
 
As resenhas de Ivana e Alex foram bastante completas e já contemplam alguns pontos da minha opinião. Mesmo assim, resolvi escrever aqui pois acredito que o Kekanto também nos possibilita esse espaço para expôr nossas opiniões quando queremos que um serviço melhore. Minha resenha na verdade é quase uma denúncia.

Que os serviços do Ferry são caóticos e que as filas batem records em feriados e finais de semana, isso nós baianos já estamos carecas de saber. Mas nesse último domingo em que tive a infelicidade de usar os serviços da TWB o que já era inaceitável tornou-se surreal.

Era um domingo como outro qualquer, nós chegamos 18:30 no Terminal da Bom Despacho e só conseguimos pegar o ferry das 21:30. Levamos simplesmente 3 horas para embarcar pela fila convencional ('sem hora marcada')!

Somos obrigados a pagar caro para usufruir desse péssimo serviço: no nosso caso foram cerca de R$35,00 na ida e R$51,10 na volta (R$46,00 carro pequeno + R$5,10 de um passageiro).

Se você vai como pedestre, também se prepare: os terminais são sujos e mal cuidados e os funcionários mal humorados atendem muito mal em ambas as modalidades.

Acho um absurdo que prá fazer passeio tão legal que é uma ida à Ilha de Itaparica precisamos ficar reféns dessa empresa desorganizada e abusiva. Salvador precisa urgentemente de um serviço que atenda sua população de maneira digna.
Dica: Denuncie a má qualidade desse serviço e reze!
Adriana Alves:
a TWB é super incompetente! se tivéssemos como mudar essa realidade, seria ótimo!! já perdi a conta de quantas vezes meu pai preferiu ir pela estrada para não se utilizar desse serviço! uma lástima!
Conteúdo inválido
 
O sofrimento continua,mas quem gosta da ilha,como eu,ainda suporta este desrespeito com o cliente.
Muito caro e serviço nota 5.
 
Localizado no São Joaquim o ferry boat é terminal marítimo de salvador.
Oferece serviços de 10 embarcações que interligam Salvador a Ilha de Itaparica. O catamarã Morro de São Paulo faz a travessia em 20 minutos e pode ser fretado para passeios por diversos pontos da Baía de Todos os Santos. O sistema ferry-boat conta com duas embarcações "dose dupla" (com capacidade para 90 veículos pequenos), seis convencionais (60 carros pequenos) e um ferry especial com espaço para 170 veículos pequenos e mesmo conforto do catamarã (ar condicionado, poltronas e comissárias de bordo). No local, o passageiro também encontra lanchonetes, bancas de revista e banco 24 horas.
Em dias normais a passagem para passageiros está de R$3,95 e finais de semana e feriados R$5,20.
 
Nem todos os dias chuvosos em Salvador são dias perdidos, pois há a possibilidade de "fugir" para outro lugar, como eu fiz nesse domingo. Por achar que o tempo na Ilha de Itaparica estaria feio e nublado como o de Salvador, não fui de trajes de banho e me arrependi. Diferentemente da capital, o tempo tava agradavel e até dava para tomar um banho no mar.
Bom, hoje eu vim aqui para resenhar sobre o terminal onde pegamos o meio de transporte que leva a ilha.
Devido ao fato de não ser feriado e já estar no ultimo dia do final de semana, não havia filas, nem de pedestre e nem de automoveis.
Ao entrar no terminal, é necessário comprar o cartão de embarque, cuja tarifa estava de R$ 5,20.O pagamento só é viavel atraves de cartões mastercard ou á vista, sendo que crianças de até cinco anos não pagam, desde que seja apresentado documento comprobatório.
Há a possibilidade de levar animais de estimação, desde que tenha fucinheira ou acondicionamento adequado em caixas de transporte.
A estrutura do terminal é grande, e está mal cuidada, porém por ser um dia de pouco movimento estava limpa, o que não acontece em dias de grande pico.
Depois de comprar os cartões de embarque, há catracas que separam as bilheterias da area de embarque, que é grande também, com muitas cadeiras e algumas lanchonetes, entre elas a empada carioca, e mini banca de revistas.
Assim que chega o horario de embarque, os portões abrem e os clientes se encaminham ( correndo, desesperadamente, para pegar o melhor lugar) ao ferry.
O atendimento é precário em todas as partes do terminal, só salvando talvez os atendentes da bilheteria.
Há caixas eletronicos no espaço, mas não recomendo pois a segurança também é bem precária.
É possivel marcar o horario do embarque previamente, tanto pedestre quanto automovel. O que não te livra de ficar nas filas.
Quanto a viagem, sempre há ou o risco de acidente com o ferry, ou de ficar quase duas horas na travessia, devido ao estado critico que algumas embarcações estão. Exceto o ferry Ivete Sangalo, que por ser o mais novo, ainda está em boas condições.
Dica: Evite ir em dias de festas e feriados, pois as filas ficam gigantes. Se você é do tipo que enjoa fácil com o balanço do mar, leve remedios contra enjoos ou evite ir em dias chuvosos. Mesmo que esteja chovendo em Salvador, leve trajes de banho. E reze!
 
Descaso total com o consumidor,sujo,desorganizado, sem o mínimo de responsabilidade com os usuários,enfim uma verdadeira vergonha.
 
Ferry boat de a a z. Atraso
bagunça
caro
desrespeito
enfado
fedor
gasto
horrível
irresponsável
já era
lento
miseravel
nefasto
ojerizante
péssimo
quebrado
ridículo
sacanagem
tortura
ultimato
vergonha
zica
Dica: Se você não for masoquista, não viaje de ferry.
 
O Ferry Boat é uma das formas de se chegar à Ilha de Itaparica, juntamente com as lachas que fazem o trajeto Comércio - Mar-Grande e pela estrada, vindo de Santo Antônio de Jesus.
O sistema de travessia é bem antigo, salvo engano, funciona desde os anos 50, em que somente ocorria a travessia de pedestres, pois, segundo as histórias que já ouvi, os barcos nem chegavam a atracar na ilha, sendo que as pessoas tinham de pegar barcos menores ou canoas para chegar até a praia nas localidades.
Até um tempo atrás, por volta de 2004 ou 2005, o sistema Ferry Boat foi privatizado para a empresa TWB.
Enquanto o serviço era controlado diretamente pelo Estado, o serviço merecia diversas críticas, principalmente no que dizia respeito à conservação dos espaços físicos e das embarcações, bem como, no que guardava relação à pontualidade de saída e chegada das embarcações.
No entanto, com a privatização, tudo só piorou. os preços foram elevados sobremaneira, seguindo a tabela: Passageiro R$ 3,95 - R$ 5,20; Auto grande R$ 42,40 - R$ 59,55; Auto pequeno R$ 33,30 - R$ 46,70; Motocicleta / lambreta R$ 13,80 - R$19,15; Bicicleta / carro-de-mão R$10,55 - R$14,55; e a Classe Executiva (ar-condicionado) R$ 8,55 - R$11,55.
Todavia, apesar do preço elevado, os serviço não melhorou em nada dos tempos de Governo do Estado.
As embarcações quebram e ficam fora de circulação constantemente, o que prejudica ainda mais a já conturbada travessia, os ambientes são sujos e mal conservados, quase sempre existem filas intermináveis, tanto para pedestres, quanto para automóveis (que fica ainda pior em feriados, finais de semana e em datas comemorativas).
Os funcionários, em sua grande maioria, são mal treinados e extremamente descompromissados, sendo que alguns chegam a ser grossos e mal-educados mesmo, principalmente seguranças e atendentes do caixa.
Se você acha que comprando passagem com hora marcada fugirá desses problemas está muito enganado. Apesar do site e da linha telefônica, o cliente somente pode adquirir um bilhete de hora marcada se dirigindo ao Terminal, e, diga-se de passagem, isso não é garantia nenhuma de embarque "na hora marcada", pois, como usuário do sistema, já ocorreu, em algumas oportunidades, devido ao fluxo de passageiros, que apesar do bilhete marcado para determinado horário, somente consegui embarcar minutos e até horas depois.
Como já salientei, as embarcações, incluindo as mais novas e reformadas, não possuem uma manutenção adequada, o que somente dá mais receio em utilizar o serviço.
Já ocorreram diversos acidentes e incidentes com o Ferry após o controle por parte da TWB, como veículos que caíram no mar durante o desembarque, embarcações menores que foram abalrroadas pelo Ferry e, para quem tem boa memória, houve até uma ocasião em que uma embarcação do Ferry ficou a deriva no meio da Baía de Todos os Santos...
Por isso, vale bem a pena pensar em ir pela BR, ou mesmo, pelas barcas que vão para Mar-Grande...
Dica: Reze!!!
Enviado
via Android
 
Está cada dia pior os serviços e a limpeza bem como o atendimento
Só resta cantar "O vida de gado, o povo sofrido".
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 20

Escrever opinião


Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu login (Você não perderá a opinião escrita)
O Kekanto não é autor e não endossa nenhuma das opiniões e/ou comentários. Eles são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. Para mais informações acesse nossos termos de uso.

Check-ins

Total de check-ins
21
Seus check-ins aqui
0