Estación Sur

Endereço: Al Joaquim Eugenio de Lima, 1396 , Jardim Paulista - São Paulo , SP - Brasil - 01403-002

Telefone:

11 3885-01...

Clique para ver
Categoria:

Churrascarias

  | Rank: 34º de 348

Buffet, Almoço, Jantar, Massas 

Preço por pessoa

Bom para
Famílias, Vinho

Primeira opinião
Claudio Kawano
Formas de pagamento
Crédito:
Débito:

cash, credit card, debit card
Horário de funcionamento
Seg.
10h - 15h
Ter.
10h - 23:59
Qua.
10h - 23:59
Qui.
10h - 23:59
Sex.
10h - 23:59
Sáb.
10h - 23:59
Dom.
12h - 17h


Detalhes
  • Acesso para deficientes
  • Ar condicionado
  • Aceita reservas
  • Proibido fumar
  • Área para fumantes
  • Wi-fi
  • Couvert artístico
  • Couvert
  • Menu executivo
  • Música
  • Faz entregas
  • Estacionamento: manobrista


Como chegar
Favorito
Sou dono
Reportar problema
Escrever opinião
Como chegar - Traçar rota


http://br.kekanto.com/como-chegar/estacion-sur
Notas específicas:
Ambiente
(10)
Comida
(10)
Atendimento
(10)
Bebida
(10)
Custo-benefício
(9)
Dicas
Faça reserva!!!
Claudio K.
Questione sobre os cortes de carnes... sempre achamos que é algum conhecido brasileiro, mas nem sempre passa perto... rs.
Talita C.
Experiência de Charllote!
Danielle K.
Couvert de pães é simples, mas é gratuito
Guilherme V.
Opiniões
Fui experimentar o Estacion Sur por indicação de um colega de trabalho. Não sei se ele exagerou tanto que acabei achando simples. O lugar é bom sim, o atendimento é cortês e a comida é gostosa, mas nada demais,. Acho que, pelo mesmo valor, você come melhor em outros restaurantes.

Os pontos positivos ficam pelo atendimento prestativo, pelo couvert gratuito, embora simples, e pela não cobrança dos 10% na conta. O ambiente também é bem bacana e o prato bem servido.

Os pontos negativos ficam apenas pelo custo-benefício e pelo ponto da carne, que foi pedido mais bem passado, e veio um pouco sangrando. Entretanto, o bacana do restaurante é que, em vez de perguntarem o ponto em que você quer a carne, eles têm gravuras com a aparência para que você mostre o ponto desejado, já que os pontos na Argentina são diferentes dos daqui.

A conta com vinho, dois pratos e uma agua deu por volta de R$ 125

via Android

Se fosse tirar pontos por tudo, a minha avaliação da Estación Sur seria negativa. Fui com dois amigos Europeus e o papo na mesa foi o que não se faz em um restaurante por conta do nosso atendimento. Serviço péssimo. Pedi um suco sem gelo e veio com gelo. Até aí tudo bem. Eu como sempre curioso gosto de perguntar até para saber se são preparados ou se estão alí só por um salário. E perguntei qual o corte da nossa carne que se aproximava o chorrizo argentino até porque era especialidade da casa e o funcionário que nos serviu respondeu: não tenho ideia, pergunte ao churrasqueiro. Rsrsr.Uma demora gigantesca que estávamos para pedir a sobremesa e ir comendo na rua que seria mais prazeiroso. E por fim a conta veio errada. A cena que ficou foi a moça vir entrgar a conta e sair correndo. Horrível! Se realmente quer com um chorrizo e não tiver outra opção peça_o e leve para comer em casa. E quem não tiver de dieta não vá pois realmente pratos reduzidos. Quanto a comida fiquei satisfeito. De entrada uma pequena salada que tem na nossa casa com alface, rúcula e tomate cereja; prato principal um chorrizo divino com batata e de sobresa charlote.
Vegetariano não devia entrar, vai passar fome aqui, a casa é especializada em cortes argentinos preparados em uma churrasqueira com formato "v", isso não é frescura faz uma grande diferençpa, a carne pode ficar mais perto da brasa, sem produzir labaredas. Provei o bife Angosto que estava perfeito, a carta de vinhos é voltada para a argentina e mostra uma seleção de pequenos produtores, mas com qualidade. Em geral as carnes são servidas sem acompanhamentos e em pratos individuais mas de bom tamanho. Um ponto negativo, que é o preço, mesmo com a qualidade das carnes o preço chama atenção, o bife Angosto, custa cerca de R$ 80,00, mais ou menos o preço do bife Ancho, um grelhado de frango sai em média R$ 45,00; outra coisa, foi o atendimento, um pouco perdido, e efusivo.
Ambiente : jardim de inverno bonito e agradável.
Atendimento : ruim, demorado, com má vontade e sem saber informar nada, demos azar com o garçom, ele informou que o prato era individual, pelo preço já assustei pois sairia tão caro quanto um rubayat que é muito mais restaurante.
Quando a carne chegou na mesa era muito bem servida e dava fácil pra 2 pessoas e talvez até 3.Achei muita sacanagem e pedi para chamar a dona. Ela admitiu o erro do garçom e disse que estornaria o outro prato, atitude de quem se importa em manter o cliente.
Quanto a carne, estava boa, nada demais, mas agora sabendo que um prato serve 2 pessoas passa a ter um bom custo benefício.
Os prazeres da carne argentina

O Estación Sur oferece uma opção interessante no jantar de terça a sexta-feira. Por um preço fixo é possível escolher o menu completo com saladinha de rúcula, aceto balsâmico e parmesão de entrada, uma canequinha de caldo de legumes como cortesia para esquentar (delicioso o caldo), três opções de prato principal – incluindo o bife ancho (contra-filé argentino) com batatas suflê da foto acima (minha escolha) – e panqueca com ‘dulce de leche’ de sobremesa (bem ‘dulce’).

A relação custo/benefício do menu completo é muito boa já que somente o bife ancho sai por R$ 39,90 no cardápio normal. Vale a pena para um jantar mais especial sem gastar muito.

Além do atendimento ágil e muito atencioso, o Estación ainda criou uma ‘cola’ para que o cliente escolha o ponto da carne que realmente deseja, já que o conceito de ‘ao ponto’ pode variar bastante. A primeira página do cardápio exibe cinco fotos com os pontos de cozimento das carnes – do mais vermelho ao bem passado. O meu foi o número quatro (ao ponto mais para o bem passado), que estava suculento na medida certa. Adorei a ideia.

O ambiente do Estación é muito gostoso e o local também conta com uma ‘Boutique’ de carnes, acessórios para churrasco e vinhos, para quem quiser se aventurar em casa. A carta de vinhos oferece boas opções a preços não muito ao ponto. Meia garrafa do macio Malbec Hacienda del Plata saiu por R$ 36.

(Post publicado originalmente no blog Braun Café em 5 de julho de 2009)
Nas férias de julho, fomos para Buenos Aires e passamos uma semana comendo muita, muita carne vermelha. Um dos melhores restaurantes que fomos na Argentina é o comentadíssimo La Cabrera, que por sinal foi maravilhoso e deixou muita saudade, mas ele será objeto de um post futuramente. Para matar nossa saudade por uma boa parrilla argentina, fomos ao Estacion Sur. 

O restaurante fica na alameda Joaquim Eugênio de Lima, 1396 - Jardins. Fizemos um ótima escolha e o restaurante serve uma legitima parrilla que nada deve aos restaurantes argentinos.

O couvert estava ótimo e nos abriu mais ainda o apetite. Adoramos o croissant e os palitinhos feitos de massa filo delicioso. Detonamos o courvert e, em razão da nossa gordice, pedimos 2 empanadas fritas de carne. As empanadas estavam maravilhosas, quentinhas, a massa bem sequinha e o recheio de carne estava muito bem temperado e molhadinho. 

Depois de comer o couvert e as empanadas, e nossa fome já estava bem reduzida, até que chegou o prato principal. Pedimos bife de chorizo Malambo, com 3 acompanhamentos: papas fritas, cebola a la parrila (na brasa) e pudim de espinafre. Para nossa surpresa, chegou uma grelha com uma peça em forma de borboleta, simplesmente imensa de contra filé, duas cebolas na brasa, o pdum de espinafre e uma porção sem miséria e pra lá de farta de batatas fritas bem gordinhas, crocantes e suculentas.

Que carne era aquela, suculenta, supermacia. Ao ponto, tostadinha por fora e levemente sangrenta por dentro mas muito longe de ser crua ou mal passada e sim grelhada por perfeição. As batatas fritas estavam ótimas e era viciantes, só paramos de comer porque já não tinha mais espaço para mais.  Em Buenos Aires experimentamos um souflé de espinafre, muito comum na Argentina. Gostamos tanto que resolvemos pedi-lo aqui e estava muito bom. Fica a dica.

Depois de um verdadeiro banquete, ainda tivemos a cara de pau de pedir sobremesa. Pedimos o volcan de dulce de leche, que é um petit gateau de doce de leite. Veio um bolinho bem pequeno mesmo que veio com uma bola de sorvete de creme e decorado com caramelo. Na primeira colherada, tive uma visão do paraíso. Uma avalanche de doce de leite bem cremoso e fervendo de quente derreteu suavemente para fora do bolinho. Que maravilha!!! Muito, mas muuuito bom. Pena que tudo que é bom dura pouco e em poucas colheradas,  a sobremesa teve seu fim.

Em resumo, a carne, as papas fritas, o pudim de espinafre (igualzinho ao que comemos em Buenos Aires), tudo estava delicioso e em nada devia aos legítimos argentinos. Com certeza o Estacion Sur é um ótimo restaurante argentino, fora da Argentina. Fomos no jantar de sexta e estava bem cheinho, inclusive de argentinos e pelo jeito são clientes cativos da casa, o que já demonstra a qualidade do lugar.
Aprovadíssimo e esperamos voltar em breve.
Fui com um cupom do peixe Urbano para conhecer o restaurante e certamente quero voltar. A entrada era uma empanada de carne, com massa e recheio ótimos. O prato principal era um mini angosto (um bife de chorizo pequeno, mas suficiente para uma pessoa) macio, suculentíssimo e no ponto mais do que certo, acompanhado de batatas fritas infladas, que eu, particularmente, acho meio sem graça. A sobremesa era uma panqueca de doce de leite sensacional. A carta de vinhos tem opções para todos os bolsos, com bons rótulos chilenos e argentinos. Os únicos poréns foram o atendimento demorado (era sábado e o restaurante estava lotado) e uma barata que apareceu, entrou debaixo de uma outra mesa e acabou morrendo por lá, mas quase tirou meu sossego.
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 21

Nota geral Você conhece o Estación Sur? Escreva uma opinião! Dê sua nota!
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota
Título da opinião

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)