Anuncie no Kekanto

Quer receber ofertas do Consulado Americano - Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV)?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos. Cadastre-se e receba os descontos
f
Consulado Americano - Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV)

Consulado Americano - Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV)

Av São Gualter, 308 - Alto de Pinheiros
Alto Lapa - São Paulo , SP - 05455-000

Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV). A maioria das pessoas que desejam tirar o visto americano deverão comparecer a este centro antes de agendar a entrevista no Consulado. Neste centro serão coletados informações biométricas, como fotos e impressões digitais. 


Categoria:
Consulado / Embaixada
Ranking: #1 de 15
Primeira opinião por:
Marcelo de Rezend...
Publicidade
Notas:
1 estrela
0
Notas específicas:
Ambiente
(3)
Atendimento
(3)
Custo-benefício
(2)
Dicas  (6)
Marcelo de Rezende Martins
Não esqueça de imprimir a página de confirmação do formulário DS-160!
Marcelo R.
Luiza Marques
Estacione na pracinha em frente para não pagar estacionamento ;)
Luiza M.
Fabio M.
Não chegue muito antes e evite carregar coisas desnecessárias.
Fabio M.
Priscilla Zapella
Deixe todos os seus pertences no carro, assim evita problemas!
Priscilla Z.
Classificar por:
Opiniões   (15)
 
No dia 30 de abril de 2012, o processo para tirar o visto americano mudou: se é o seu primeiro visto, agora é necessário ir primeiro a um CASV (Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto) e depois ao Consulado.

Há dois CASVs em São Paulo, um na Vila Mariana e um no Alto de Pinheiros. Optei pelo de Alto de Pinheiros por ser mais perto.

Meu horário estava marcado para as 11h30; quando cheguei lá, 10 minutos antes, já havia uma fila e tanto para o meu horário na porta. É estranho que a fila fica na calçada e, quando se entra, ela fica na lateral da casa – no sol. Não sei como eles fazem quando chove. O pré-atendimento é feito numa mureta que parece ser o lugar onde se guardam os botijões de gás, sabe? Não tem lá muita cara de “Consulado Americano”...

Uma vez lá dentro, não existe atendimento preferencial – ou seja, portadores de necessidades especiais devem passar na frente enquanto a fila ainda está do lado de fora, pois do lado de dentro os funcionários não passarão ninguém.

Para quem solicita o primeiro visto (ou não deu todas as suas digitais da última vez), essa passagem no CASV é principalmente para tirar a foto e as digitais. Eles fazem também uma microentrevista – para mim, só perguntaram o propósito da viagem.

O atendimento foi bastante eficiente e os atendentes foram simpáticos, em geral.

Demorei mais ou menos 1h lá dentro. É bastante para quem só foi tirar uma foto e as digitais, mas muito pouco comparado ao processo anterior de visto, em que tudo era feito no Consulado (e eu já cheguei a perder quase 5h na brincadeira). (Em tempo: na visita ao Consulado, gastei mais 1h30.)
Dica: Estacione na pracinha em frente para não pagar estacionamento ;)
 
Pior das unidades do Consulado Americano. Passamos nesta unidade hoje para retirar o passaporte com o visto concedido. Não fica uma pessoa para dar informação do lado de fora, então os seguranças acabam sendo responsáveis por isso e informam "daquele jeito".
Ponto positivo para a pontualidade. Saímos de lá com o passaporte na mão, 5 minutos antes do horário agendado.
Pouquíssimos funcionários trabalhando nesta unidade. Houve uma certa desorganização na entrega dos passaportes, mas no final deu tudo certo.
Poderiam cobrir a parte externa, acho um absurdo as pessoas ficarem lá fora com o solzão na cabeça ou tomando chuva.
Dica: Deixe todos os seus pertences no carro, assim evita problemas!
Martin:
É o respeito que eles tem para quem visitará o país deles para gastar e fortalecer a economia. Hoje as empresas americanas estão com o caixa abarrotado de dinheiro sem saberem bem onde investirão. O Brasil é uma presa fácil onde o capital é recuperado em 1 ano ou menos.
Conteúdo inválido
 
Depois das mudanças sobre a retirada do visto, esta visita ao CASV foi adicionada para diminuir o tempo de permanência e espera no Consulado. Realmente, para quem mora na cidade em que há um CASV e o Consulado, ficou realmente uma mão na roda. Agora, quem vem de fora precisa de dois dias para este procedimento pois não pode ser realizado no mesmo dia em que a entrevista.

Ao chegar no CASV com uns 50min de antecedência, esperamos com um grupo de pessoas até que os funcionários chamassem pelo horário. Chegamos muito cedo pois ficamos com medo de chegar atrasados, logo, tivemos que esperar. Depois de uma rápida inspeção em que se certificam que seu celular esteja desligado - preferi não levar porque no Consulado é extremamente proibido e não quis arriscar, mas no CASV você pode entrar com ele desligado - e que não carregue nenhuma arma, você é instruído a seguir pela faixa vermelha.

Ao final da faixa, começa a se formar uma fila como de parques de diversão onde numa mesa, de plástico mesmo, duas funcionárias checam seu comprovante de preenchimento do formulário, passaporte e comprovante de agendamento. Com tudo completo, encaminham você para a sequência da fila em que há textos informativos sobre o processo que será realizado para facilitar e agilizar. São pedidos para retirar cachecois, aneis, brincos... para a fotografia e apreensão das digitais.

Você é chamado pela ordem da fila a ir pra "recepção" onde pegam novamente seu passaporte e digitam coisas no computador. Depois, quando uma "cabine" é vaga, te encaminham para lá onde serão retiradas as digitais e a foto por funcionários brasileiros que ficam do lado de trás de um vidro bem grosso e conversam com você por um microfone.

Pegam novamente o passaporte, digitam mais coisas, pegam as digitais dos 4 dedos de cada mão e depois dos polegares juntos. Tiram a foto (tirei os óculos antes dela pedir) e pronto. Liberado.

Como fui com minha irmã e na entrada eles dividem em filas para inspeção os homens das mulheres. Acabei indo mais rápido que ela pois na fila das mulheres há sempre aquela baderna de revistar bolsas - super desnecessário, já que se você SABE que será revistada, no mínimo já deixe a bolsa aberta ou nem vá com ela!!!

Ah, deixamos nossos celulares e bolsas no carro mesmo e estacionamos na rua ao redor da praça. Parecia ser bem tranquila e segura - apesar de na parte de cima aparentarem ter flanelinhas na de baixo, por ser extremamente residencial (e de alto padrão) parar na rua foi uma boa escolha (pois os estacionamentos ao redor são caríssimos 25$ a hora).
Dica: Não chegue muito antes e evite carregar coisas desnecessárias.
 
Fui hoje (23/05) pela manhã neste Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV) para fazer a primeira entrevista para tirar o meu visto americano para viajar a turismo. É a primeira vez que vou tirar visto pros EUA e eu tive que fazer os seguintes procedimentos:

1 - Para agendar, acesse: http://usvisa-info.com/pt-BR/selfservice/login

2- Deverá seguir passo a passo os formulários e preencher o DS-160
3 - Neste formulário para quem vai a negócios e/ou turismo deve escolher B1/B2.
4 - Você deverá pagar a taxa que pode ser feita por cartão de crédito internacional ou boleto.
5 - Caso seja a primeira vez, você fará duas entrevistas: A primeira no Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV) e segunda no Consulado Americano que, em São Paulo, fica na Rua Henri Dunant, 500.
6 - Você pode escolher também o local que o seus documentos serão enviados, você pode retirar os documentos nos postos DHL mais próximos de você.

Lembrando, para a maioria das pessoas, serão duas entrevistas, uma no CASV e outra no Consulado Americano.

No dia da entrevista no CASV leve o passaporte e a página de confirmação do DS-160, itens obrigatórios. Ponto positivo: eles atendem as pessoas no horário agendado, eles não atendem antes do seu horário. Isto é muito bom, pois não cria filas e não terá espertinhos que agendam no fim do dia e querem ser atendidos pela manhã.

Não tem estacionamento, você deverá deixar o carro nas ruas residencias ao redor, que são bem tranquilas para estacionar.
Dica: Não esqueça de imprimir a página de confirmação do formulário DS-160!
 
Olá a todos os leitores. Estive hoje no CASV da Vila Mariana e também notei esta eficiência citada acima. Mas estranhei a solicitação do papel de confirmação da entrevista, não o DS 160, mas sim o papel que indica o local das entrevistas agendadas. Apenas por precaução estava com esta folha para ver o endereço do local, mas a mesma foi impressa em uma folha de rascunho da empresa onde trabalho, ou seja, no verso desta haviam algumas impressões também, o que não alterava em nada o conteúdo impresso na frente. Fui informada que deveria fazer uma nova cópia ou imprimir outra folha. Questionei as funcionárias a respeito da necessidade desta folha já que no mesmo apenas o DS 160 e o passaporte eram solicitados, mas as funcionárias insistiram que era obrigatória a apresentação desta folha impressa e sem nada no verso. Ao sair do CASV reparei que na área em frente ao mesmo encontrava-se uma grande "máfia" de impressões e xerox, exatamente atendendo às várias pessoas que levaram apenas os documentos exigidos e citados acima. Não preciso nem falar que os valores eram abusivos e para não compactuar com este "grande esquema" me desloquei até uma gráfica em frente à universidade lá localizada, onde o valor praticado era o correto. Ao voltar para o CASV a atendente apenas olhou rapidamente esta folha e dela não coletou nenhum dado, passando em seguida para o DS 160 e para meu passaporte para a verificação dos dados realmente necessários. Voltei para meu trabalho e entrei novamente no site para a obtenção do visto e não encontrei em lugar algum a solicitação de que seja levado ao local esta folha com a data e local do agendamento. Será que este sistema adotado para facilitar a vida dos solicitantes de visto, acabou gerando mais uma "máfia" que atua no Brasil? A "máfia" dos estacionamentos, das cópias xerox, das impressões, das fotos ...sempre todas com valores abusivos. Espero que se isso estiver acontecendo mesmo nestes postos do CASV o Consulado Americano tome providências.
 
Tive uma experiência boa no CASV.
É o primeiro passo, o primeiro lugar que você vai quando solicita o visto americano.
Fiquei uns 15 minutos aqui. Sem filas grandes, só uma meia dúzia de pessoas. Depois que checaram meu passaporte e formulário, uns 5 minutos depois já fui chamada para tirar as impressões digitais e a foto. Tudo muito tranquilo.
Celulares podem até entrar, mas desligados.
Procure não levar muitas coisas, aqui no CASV é só o passaporte e papel do formulário.
 
Tive uma experiência muito boa aqui. Dado que era somente para retirar o passaporte, não tinha muito o que dar errado mesmo...

Foi tudo muito rápido (5min literalmente). O local estava completamente vazio.

Dicas:

Estacionamento: há opções próximas por R$20, mas há muita vaga na rua se você não fizer questão de parar em estacionamento.

Celular: tem que desligar quando for entrar e eles são chatos em relação a isso. É melhor deixar no carro mesmo.
 
Acabei de chegar de São Paulo. Minha entrevista foi hoje e fomos aos CASV de Alto de Pinheiros ontem. Fomos muito bem tratados, correu tudo perfeito, muito bem sinalizado, comunicado e aconselho irem sem medo, pois todos são muitos receptivos e o atendimento foi muito rápido. Eu e minha família estávamos agendados para as 11:00, chegamos no local às 10:15 e saímos do local às 10:43, ou seja, além de ser rápido, fomos atendidos antes do horário marcado. Quem não quer pagar 20,00 a 30,00 a hora no estacionamento, desçam a avenida cerca de duas quadras e deixe o carro em um posto de gasolina ou no estacionamento da praça ao lado, muuuito tranquilo e não pagamos 1,00...
 
Eu caí em um golpe!
Há uma máfia na porta do CASV, o primeiro lugar onde se vai para o visto e o único lugar que se vai quando é renovação.
Cheguei no domingo para para colher meus dados biométricos levando apenas um papel (DS160) que é expressamente solicitado que se leve, o passaporte e mais um papel que minha irmã disse q era bom imprimir: o email que recebemos com dois códigos de barras, chamado "E-mail de confirmação da entrevista". Porém para minha surpresa, as pessoas de camisa vermelha que estavam FORA DO CASV vieram conferir meus papeis e eu na maior inocência acreditei que se tratava de funcionários do CASV, mas não eram.
Me disseram q faltava um pedaço do papel que eu deveria acompanha-los para reemitir. Cheguei a um carro estacionado em frente e uma moça se dizendo despachante (eu não sei o que é um despachante, pra que diabos serve um despachante? pra fazer aquilo que eu sou capaz de fazer na internet e receber por isso? enfim) ela começou a colocar meu numero de passaporte e eu me toquei q aquilo não sairia de graça, daí perguntei quanto custaria a impressão, ela me disse na cara de pau: R$ 30,00, qualquer documento emitido por um despachante custa no minimo isso. Pera aí moça, eu já emiti meu documento, vc vai só imprimir, não vou pagar R$ 30,00 por uma impressão. É esse o preço, por aí vão te cobrar 40, 50.. ah ta. Pago 5, fechou? não!
Fui até a porta do CASV e o moço não quis olhar meus documentos, disse q se tivesse algo faltando eu marcaria tudo pra outro dia (imagina o desespero de quem veio de Florianópolis so pra isso, está gastando uma pequena fortuna e ter que voltar?) Parei um rapaz na rua, de camisa escrito CASV, que estava chegando para trabalhar e ele me disse q era bom ter o papel inteiro, mas que falasse rápido, pq se o vissem (os bandidos né?) se o vissem falando comigo, ele se prejudicaria ou algo parecido (é mole?). Tinha uma faculdade na frente, eu poderia ter ido lá, se não fosse domingo... ¬¬
Procurei mais um pouco e não encontrei nenhum lugar que faria impressão. voltei e fechei com um outro BANDIDO GOLPISTA por R$ 20,00. e fiz, não podia me dar ao luxo de perder minha viagem e se aproveitaram disso.
Conclusão: no dia seguinte meu amigo foi lá e fez exatamente como estava no e-mail: levando somente o papel que mandam e o passaporte. E eu fiquei com cara de palhaça.
 
Estive no Casv Vila Mariana dia 04/03, atendentes terceirizados educados, porém atendimento demorado(somente 3 funcionários atendendo +- 500 pessoas), muito cheio mesmo , eu e minha família ficamos 2 horas para sermos atendidos na primeira etapa, (recolher os documentos, folha agendamento, confirmação e passaporte), após fomos direcionados para o 2 andar para tirar as fotos e colher digitais (fomos atendidos em menos de 10 minutos). Mas deu tudo certo, afinal se queremos ir a terra do Tio Sam, temos que nos submeter a isso. (Mas bem que eles poderiam ter mais respeito conosco, colocando um número maior de atendentes).
DICA: Prefira agendar para o CASV de Pinheiros, mais rápido e menos procurado.(tenho informações que os procedimentos estavam durando 20 minutos).Boa Sorte.
 
As dicas do Marcelo já estão muito boas! Minha experiência foi super tranquila, consegui fazer todo o processo em menos de 10 minutos. Às 13h00 de uma segunda-feira estava totalmente vazio e apenas tirei foto, digitais e corrigi uma informação incorreta no formulário.

- Tem vários lugares por perto para parar o carro.
- Não esqueça de levar o papel com o agendamento que é obrigatório.
- Não leve celular

O que mais me tomou tempo no formulário DS 160 foi o envio de uma foto que o sistema deles faz validação. Ela precisa ser bem clara e nítida.
 
Boa Noite!!
Estive no CASV de Pinheiros o processo é muito rapido .. estava agendado para as 15h, as 14:30h ja estava na fila e liberada para entrar.
Os documentos solicitados foram somente a confirmação do DS-160, o agendamento da entrevista e o passapote.
La tirei a foto e minhas digitais.
As 15:10h já esta indo embora.
Obs. Não imprima a confirmação ds-160 e o agendamento em folha rascunho não sera aceito, nos locais proximos eles cobraram R$ 30,00 por folha.

Boa Sorte!!!
Enviado
via Android
 
Pra quem vai renovar o visto, é tudo muito rápido, 10 minutos contando com a fila e tudo finalizado.
Waldemar:
Tem que entrar no site várias vezes ao dia, eu consegui lá pela oitava tentativa para o dia seguinte, normalmente acaba tendo alguma desistência e liberando horário
Conteúdo inválido
Enviado
via iPhone
 
Fui ao CASV para retirada de Passaporte.
A rua Sao Gualter Possui dois estacionamentos práticos e bem organizados para os veículos, com banheiros e sala de TV para espera, bem ao lado do CASV e no valor de RS 20,00.
Para retirada dos passaportes não é necessário aguardar na fila, basta seguir direto ao balcão de informações para receber instrução da administração local e o processo todo não demora mais do que 10 minutos.
Outra dica importante é chegar ao local e apresentar o impresso com o local e horário marcados aos funcionários que controlam o ingresso ao CASV.
Borbas Azarite:
Tá mega eficiente o processo pra entrevista do visto B2, né? O problema é o processo antes da entrevista, no site, não acha? Muito demorado, burocrático e complicado
Conteúdo inválido
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 15

Escrever opinião


Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu login (Você não perderá a opinião escrita)
O Kekanto não é autor e não endossa nenhuma das opiniões e/ou comentários. Eles são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. Para mais informações acesse nossos termos de uso.

Check-ins

Total de check-ins
15
Seus check-ins aqui
0