Casa São Jorge

Endereço: Av Santa Isabel, 655 - Barão Geraldo , Barão Geraldo - Campinas , SP - Brasil - 13084-012

Telefone:

19 3249-15...

Clique para ver
Categoria:

Bares e Pubs

  | Rank: 13º de 217

Casa especializada em samba, localizada no famoso distrito universitário de Barão Geraldo. 

Preço por pessoa
$$$$ (De R$26 até R$50)
Bom para
Paquerar, Drinques
Formas de pagamento
Crédito:
Débito:
cash, credit card, debit card
Primeira opinião
Giancarlo Colombo
Detalhes
  • Acesso para deficientes
  • Aceita reservas
  • Inaugurado em 2002
  • Proibido fumar
  • Comanda individual
  • Couvert artístico
  • Música
  • Entrada
  • Estacionamento

Enviar foto
Como chegar
Salvar favorito
Reportar problema
Escrever opinião
Como chegar - Traçar rota

  • Lugares parecidos
  • Contato
  • Cadastro

http://br.kekanto.com/como-chegar/casa-sao-jorge
Notas específicas:
Ambiente
(23)
Comida
(21)
Público
(22)
Atendimento
(22)
Bebida
(22)
Custo-benefício
(20)
Dicas
Vá com disposição pra sambar!
Borbas A.
Escondidinho de carne seca
Felipe P.
Muito bom para dançar
Mila
Bolinho de arroz com provolone
Andréa B.
Em finais de semana, faça reservas! Durante a semana, vá dançar um bom samba rock!
Gabriel G.
Ver mais
Opiniões
Casa para os amantes do Samba! Samba de raiz, sabe? O dia que fui tocou a Aureluce, que é Campineira, sensacional, que voz! Mas vamos falar do local! É um local descontraído, as pessoas se arrumar para se acabar no samba, nada de muita produção. É um local lindo por sua simplicidade, com direito até de vela e cachaça para a estátua de Yemanjá na parede. O atendimento é muito bom, pessoal simpático e sempre limpando tudo para deixar organizado. É um local pequeno, há mesas para sentar, mas se chegar tarde, não tem! Só de pé. Mas quem vai pro samba, não tem disso! Para entrar se paga, o dia que fui, R$20,00 por pessoa. O suco é batido na hora natural, sem açucar. Muito bom. A cerveja servida, gelada! Para estacionar, na rua, existem os caras que cuidam por "cincão". Recomendado!
Fomos ontem à noite, minha namorada e eu, pra curtir um programinha a dois, regado de boa música black. De fato, a banda que tinha trompete, baixo, sax, bateria, guitarra/violão estava animando a quarta-feira, feriado de Consciência Negra. Minha namorada ficou boquiaberta com a riqueza de detalhes na decoração e achou tudo um charme! Eu, como bom degustador, fiquei extremamente curioso pra provar o suco de manga com gengibre (nunca tinha visto esse sabor) e pedimos também a despeito das diversas porções/pastéizinhos/pratos do cardápio, um escondidinho duplo (R$ 28,90) de Camarão à Baiana -- feito no azeite de dendê e tudo o mais... -- que estava suave e saboroso. Achamos até que a porção dupla foi suficiente pra nós dois, o que normalmente não acontece, porque somos "bons de garfo" rsrs
Mais tarde um Dj de Funk ia tocar também, uma pena não podermos ter ficado até o fim. Neste dia específico a casa não estava tão cheia, então tinha bastante espaço e algumas mesas livres. O atendimento, nesse caso, foi rápido e os garçons, sempre circulando por entre as mesas pra checar se está tudo ok, foram bem educados e cordiais. A temática e estilo principal da casa é o bom e velho samba e suas variações. A agenda pode ser encontrada diretamente no site:
http://www.casasaojorgebar.com.br/programacao.htm
Estive pela segunda vez na Casa São Jorge a convite de amigos: da primeira vez um aniversário no qual a ressalva do aniversáriante era que a música tocava bastante alta, desta última visita fui em mais um encontro do Kekanto - e o detalhe da música? bem não mudou muito! Saí de lá meio afônica por ter quase gritado enquanto conversava com os convivas.

A casa é muito bonita, reduto de universitários por estar próxima à Unicamp (principal universidade de Campinas), com direito à fila de espera depois que passou das 21hs em pleno domingo! O repertório inclui samba cantado ao vivo com uma pista de dança para os pés-de-valsa de plantão - o que não faz muito meu estilo, então vira ponto negativo :/

O serviço foi muito bom, exceto que em algum momento esqueceram meu suco (entendi a situação pois só nossa mesa contava com uma boa quantidade de clientes e assim que reclamei a bebida veio rapidamente). Pedi tanto o suco de laranja, quanto o de morango - perfeitos!

Para os bebes, além de sucos naturais e de polpa, refrigerantes e águas, o cardápio inclui vários tipos de cerveja nacionais e importadas, além de destilados.

Nos comes pedimos uma porção de pastéis (10 unidades) com sabores variados; havia de camarão, couve com calabresa, gorgonzola, carne seca muito gostosos e sequinhos. Depois pedimos um porção de pernil com queijo, com vinagrete, farofa e mini-pães franceses de acompanhamento, outra delícia.

Nesta última visita a casa não estava aceitando cartão de crédito; acredito que era uma questão pontual. Débito e dinheiro eram as opções de pagamento.
Conheci a Casa São Jorge através de uma evento do Kekanto e gostei da experiência. Achei a casa enorme, além de uma fachada simplista e agradável.
A qualidade dos músicos que tocaram na noite em que estávamos por lá, também chamou a atenção, fazendo o público sambar e cantar o tempo todo..
A decoração é bacana com os Jorges e velas espalhadas pela casa, sendo que algumas imagens chegam a ser cômicas, mas tudo muito jovem e original.
Experimentamos os bolinhos de bacalhau da casa e os bolinhos mandioca com carne seca. Ambos feitos na hora e totalmente crocantes.
O ambiente é mais de balada do que boteco, com certeza. Mas enfim, um lugar dedicado aos adoradores de samba, aos que procuram por uma paquera, ou simplesmente para aqueles que buscam diversão. Há petiscos mais trabalhados e outros típicos de boteco.
Ótima música, lugar muito bom para ouvir uma boa música, dançar e reunir o pessoal.
Muito samba, soul, mpb, ska e até ritmos latinos... Ótimo pra dançar.
O que chamo muito a atenção é a decoração do ambiente, tudo bem original! Poder admirar uma pipa, um par de tênis pendurados sobre a fiação elétrica e as luminárias iguais as que vemos nas ruas, objetos do dia a dia sendo usados como artigos de decoração.
O cardápio e atendimento é muito bom
A Casa São Jorge existe desde 2002 e abriga, em suas noites, boas performances de samba, chorinho e afins. Ambiente animado, pessoas dançando, pessoas bebendo e pessoas curtindo todo o momento.

A visita dos glutões à casa se deu por conta do 2o evento Elite Kekanto em Campinas. Este reuniu alguns blogueiros, usuários e o staff do site para um encontro (reencontro para alguns, como nós) totalmente divertido e regado de comes e bebes (alguma dúvida que é isso que glutões gostam?!) nas “duas” grandes mesas reservadas e separadas no bar. Ponto novamente ao Kekanto que organizou um excelente evento e ao pessoal que fez novamente uma noite de domingo totalmente agradável.

Falando da casa, o bar oferece para beber uma boa gama de cervejas normais (neste quesito temos Brahma, Skol, Serra Malte, Original, Heineken e Bohemia) e algumas "especiais" como Leffe, Stella e afins, os preços variam um pouco de cerveja para cerveja, mas as normais tem o preço mais ou menos parecido com os bares da cidade, não como boteco, mas não fora da realidade. Beber não é problema e sim um belo convite na Casa São Jorge. Afinal a música pede uns goles para embalar, não?

Com muitas pessoas no evento, tivemos a "sorte" de experimentar diversas porções e avaliar uma boa quantidade do cardápio. Este para comida não é muito vasto, mas também o estilo do bar não é para isso. As porções experimentadas foram: Pastéis, tirinhas de frango, tirinhas de mignon e bolinho de bacalhau. Ou seja, perfeito para os glutões aqui confirmarem sua fama e dizer que realmente o bar tem uma cozinha correta e de qualidade, pois todas as gulas experimentadas estavam sensacionais. Destaque para a porção de mignon e frango, as mais saborosas da noite.

Voltando a falar da casa em si, o ambiente é bem animado e bonito. Como era domingo, andar de um lado para o outro não foi complicado, porém nas sextas e sábados com o bar bem mais lotado, fica um pouco mais complicado, porém nada caótico e irritante. O atendimento, um dos itens avaliados, é bom, tivemos alguma demora em algumas solicitações, mas nada complicado e que canse o glutão visitante. A casa também realiza exposições, lançamentos de livro e até shows internacionais (geralmente voltado para o estilo SKA). Como podemos ver a Casa São Jorge é um excelente lugar para curtir a cultura do Brasil, seja através da música ou das outras formas que esta se desperta.
Excelente!

Localizada no famoso "distrito universitário" Barão Geraldo, a Casa São Jorge prova que para um bar ser ótimo, ele não precisa ser cheio de frescuras, pois embora o bar seja relativamente simples, agrada à todos.

Ao entrar você recebe uma comanda individual ( o que é ótimo!), o salão é enorme, com algumas mesas mais próximas ao palco e ao bar e outras logo na entrada da casa. Optamos pela segunda opção e foi ótimo!

Som ao vivo de altíssima qualidade, não é à toa que o bar já foi premiado diversos anos consecutivos no quesito " melhor música ao vivo".

O cardápio traz opções excelentes e com um preço bacanérrimo, a calabresa na cachaça saiu por R$ 18,60 e estava deliciosa!...

Cervejas ambevianas de garrafa de 600 ml agradam à todos, e saem por volta de R$ 6,40 e vem geladinha.

O atendimento é OK, o gerente assim como os sócios proprietários estão sempre acompanhando tudo de perto, ou seja não tem como dar errado mesmo, certeza de sucesso!

A decoração remete ao Santo que deu o nome à casa, o São Jorge... além de outros ícones remetendo à especialidade do local: SAMBA!

No bar é possível avistar uma imagem de São Jorge com um copinho de possível oferenda à ele e uma vela acesa! Pois é........ nem aqui na capital que temos três unidades de bares "Salve Jorge" tradicionalíssimos, eu nunca havia visto isso. Show!

Em pleno domingão, a casa estava lotada, mesas cheias, muita gente em pé animada dançando e cantando, haviam até casais dançando profissionalmente! Uia!

Com certeza é uma das perfeitas opções para se divertir! Recomendamos!
Bar tipicamente de Samba, com muita gente bonita, ambiente temático de acordo com o nome, garçons educados e prestativos e muito movimento em dia de domingo, o que é um grande atributo, pois livra você de estragar o final do final de semana vendo video-cassetadas do Faustão. Para quem gosta de samba é o lugar certo, um variedade de petiscos, sanduíches e sobremesas, além de bebidas, inclusive cachaças tradicionais como as de salinas. Super recomendado, inclusive para happy hour.
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 35

Nota geral Você conhece o Casa São Jorge? Escreva uma opinião! Dê sua nota!
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)