Caminho do Vinho

Endereço: Rua Júlio César Setenareski, 2351 , São José dos Pinhais , PR - Brasil - 83085-290

Telefone:

041 3635-1...

Clique para ver
Categoria:

Hotéis e Viagens

 

Para verificar com chegar ao Caminho do Vinho, acesse: http://www.sjp.pr.gov.br/caminhodovinho/comochegar.php 


Como chegar
Favorito
Sou dono
Reportar problema
Escrever opinião
Como chegar - Traçar rota

  • Pedir orçamento
* Por favor, preencha seu nome
* Por favor, preencha seu email válido
* Por favor, descreva seu pedido de orçamento

http://br.kekanto.com/como-chegar/caminho-do-vinho
Notas específicas:
Ambiente
(9)
Atendimento
(9)
Custo-benefício
(13)
Bebida
(4)
Limpeza
(3)
Dicas Ver mais
Opiniões
É uma passeio interessante de se fazer, mas eu tinha outra outra ideia.Achei que os estabelecimentos tivessem mais proximos uns dos outros.Em alguns momentos a estrada é de terra, sem sinalizações.Eu fui por conta, sem utilizar o onibus turistico que sai do centro da Cidade de SJP
Lembro que a parte mais legal do passeio foi conhecer o Pesque Pague do Cachimbo, que por sinal o proprietário estava lá presente e existe um desenho deste senhor na parede do estabelicimento que é fiel a sua pessoa.
Fui comer no Vô Joao.Achei comida ok.Nada de espetacular ou diferente para ser indicado
São José dos Pinhais possui uma tradição muito grande de colônias, foi assim que a cidade surgiu e assim que cresceu, porém de uns tempos para cá (10 anos) começou-se a explorar esse potencial como atrativo turístico, dando estrutura para a região e atraindo turistas de diversas partes.

O Caminho do Vinho conta com vinícolas , chácaras, e cafés coloniais típicos da região com iguarias gastronômicas e paisagens bucólicas sem igual na RMC, vale a pena conferir com tempo e disposição algumas atrações, além de comprar quitutes e os vinhos coloniais da região. Em Agosto tem a Festa do Vinho, vale a pena comparecer.
Gostei muito de conhecer este local. Achei sensacional o contato com a natureza, as belas chácaras e casas da região. Os locais para se adquirir produtos artesanais, como o vinho, são inúmeros, vc pode escolher pelo melhor preço, pela melhor marca ... enfim, tudo varia conforme o gosto das pessoas.
Eu prefiro os vinhos secos, mas não dispenso os suaves também.
Ola vc que gosta de um bom vinho tanto seco quanto tinto esse é o caminho, vinho feito sem maquinários suave é o melhor vinho, sao varias adegas uma melhor que a outra, e nao se tem so vinhos sao varios produtos caseiros, aproveite e passa la para tomar um cafe colonial também tudo caseiro em um lugar agradavel
Já fui algumas vezes, achei mais gostoso com o clima mais friozinho.
Só para visitar a região já é uma delícia, o local é bem aconchegante. Mas têm muitas opções como: restaurantes, cafés coloniais, pesque pague, cavalgadas, vinícolas e os preços são bem acessíveis. Conheci o Café Colonia Casarão, maravilhoso!!
É um local para todas as idades. Ideal para aqueles domingos que não queremos ficar em casa, mas queremos um passeio econômico.
A muito tempo atrás, mas muito mesmo, eu tinha uns 14 anos, quase todo sábado, a gente ia até uma colonia de italianos comprar vinho ( quem comprava era o meu chefe na época, a piazada só gostava de ir experimentar os vinhos, e voltar rindo a toa.), e já naquele tempo eu imaginava que podia ser uma ótima opção de turismo, o que não era pela falta de estrutura.
Ainda bem que outras pessoas pensavam igual.
Em 18 de junho de 2004 foi criada a ACAVIM (Associação Caminho do Vinho – Colônia Mergulhão), surgindo da necessidade de organizar os empreendimentos envolvidos na rota de turismo rural “Caminho do Vinho”, na área de abrangência da Colônia Mergulhão e arredores, buscando preservar a identidade rural da região, trazida principalmente pela etnia italiana.
Assim eles puderam organizar a rota de turismo, cobrar apoio da prefeitura, investir na compra e melhoria de equipamentos e dos espaços para receber os visitantes.
Hoje tem uma infra-estrutura para receber turistas, de fora e da região, excursões, eventos e festas como a já tradicional festa do vinho.
Conta hoje com 11 cantinas, 11 restaurantes e cafés coloniais, 10 chácaras de lazer( inclui pesk-pague e um "velocross" Lanchonete e pista de motocross).
MINHOCÁRIO onde você aprende como funciona e pode comprar humus, por kilo ou sacos de 20 kg, e minhocas para pescar e criar em casa.
18 espaços para eventos, grupo folclórico italiano Cuore D'Italia que faz apresentações nas festas e eventos, Semanalmente (sábado à noite) o grupo reúne-se na sua sede, local cedido pelo Sr. Arvito Pissaia, em sua propriedade: Vinhos Vô Vito, possui uma empressa que organiza e produz festas, eventos e passeios, a VINTAGE TURISMO & EVENTOS.
para chegar vindo pela Av. das Torres, passar pelo Portal de entrada de São José dos Pinhais e pela Nutrimental, seguir pela BR-376 sentido Joinville/SC, no sinaleiro do Bradesco, cruzar a BR-376, seguir pela rua que inicia ao lado do banco, a Alameda Bom Pastor, e passar pelo portão 2 da PUC-S.J.P.
No Casarão do Milho (logo após a PUC) virar à esquerda, seguir pela Rua João Zarpelon, que finaliza na Rua Dr. Murici, de paralelepípedo (calçamento), seguir por ela, passando em frente ao CAIC e 17º Batalhão da Polícia Militar, seguir por baixo da trincheira (BR-116 / Contorno Leste) em asfalto, e continuar na Rua Dr. Murici (calçamento) passando ao lado da Consduspar e após o Frigorífico Juliatto, virar à esquerda, na Praça Ticiano Prendin, ao lado do Armazém do Mazza.
Inicia-se a Rua Julio Cezar Setenareski, principal via da Colônia Mergulhão- Caminho do Vinho e visualiza-se a seguir o Portal Italiano, pareca complicado, mas todos da região conhecem, na duvida é só perguntar.
Nas fotos vou incluir um mapa para facilitar, nas próximas resenhas vou escrever sobre os lugares, vou ter muito o que escrever.
Primeira opinião do lugar
A Colônia Mergulhão está localizada na área rural de São José dos Pinhais, entre as Colônias Acyoli, Murici e Rio Pequeno.
A Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo coordena o Programa Caminho do Vinho, com o objetivo de desenvolver a região e divulgar a cultura italiana, folclore, artesanato, comida típica - entre outros.
Hoje essa rota de turismo rural abrange 30 propriedades com atividades diversas: desde cantinas, pesque-pague até minhocários.
É um ótimo programa para um final de semana.



 
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 20

Nota geral Você conhece o Caminho do Vinho? Escreva uma opinião! Dê sua nota!
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota
Título da opinião

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Baixe o app grátis

                          

Veja mais



Melhores da categoria