Boteco Ferraz

Endereço: Rua Doutor Mário Ferraz, 1470 , São Paulo , SP - Brasil

Telefone:

11 5093-71...

Clique para ver
Categoria:

Bares e Botecos

  | Rank: 195º de 1140
Preço por pessoa

Bom para
Happy hour, Cerveja, Assistir esportes, Vinho

Primeira opinião
Vânia MG
Formas de pagamento
Crédito:
Débito:

cash, credit card, debit card
Detalhes
  • Acesso para deficientes
  • Ar condicionado
  • Aceita reservas
  • Mesas ao ar livre
  • Proibido fumar
  • Comanda individual
  • Wi-fi
  • Música
  • Entrada
  • Estacionamento


Como chegar
Favorito
Sou dono
Reportar problema
Escrever opinião
Como chegar - Traçar rota


http://br.kekanto.com/como-chegar/boteco-ferraz-3
Notas específicas:
Ambiente
(5)
Comida
(5)
Público
(5)
Atendimento
(6)
Custo-benefício
(4)
Bebida
(5)
Dicas
Reservar mesa; chegar cedo; pedir uma Murphy's Stout
Vânia M.
Reservar mesa; chegar cedo; pedir uma Murphy's Stout
Vânia M.
Opiniões
O bar é muito bonito, sofisticado, bem chique! Luz indireta, um mezanino lindo que circunda o bar, um telão que fica na altura perfeita para este mezanino (pra quem gosta de assistir a jogos, é uma boa pedida).

Porém, apesar do ambiente, o que me incomodou mesmo foram os preços. Pedimos um filet de gorgonzola com pães. O sabor era bom (não fenomenal, já comi melhores) mas a porção era muito pequena. Serve duas pessoas nada famintas. E custava em torno de R$ 40. Achei realmente muito caro.

Pedimos também um sanduíche de filet de frango empanado. Este vem bem mais generoso só que deveria conter tomate e, naquele dia, estava em falta. Bom, tomate em falta em um bar, onde várias comidas levam este ingrediente (nem que seja no molho), também é algo bizarro.

Enfim, talvez não tenha pego um dia bom... Mas, pra mim, pelo custo-benefício x ambiente merece 3 estrelas.
Primeira opinião do lugar
O Boteco é extremamente charmoso. Encanta no primeiro olhar. Uma dica simples é: Reserve uma mesa, assim você não passa apuros, pois "mais vale uma uma mão na mesa do que dois pés voando".

Valores: R$ 20,00 consumíveis para mulher e R$ 30,00 consumíveis para homem. Valores dentro do padrão, pois é óbvio que numa bar desses não dá pra gastar menos de R$ 50,00. Ali o padrão é alto, mas os preços não são absurdos.

A lotação começa já na quinta-feira. Na sexta, o boteco lota pra valer, são filas e mais filas. Por isso além de reservar mesa, chegue cedo.

Um ponto positivo é o atendimento preciso e minucioso. Se algum dos gerente te atender, pode saber de uma coisa, mesmo com a casa lotada, você será extremamente bem atendido. Um bonto negativo é o cardapio simples demais no visual, mas não pela diversidade culinária que é boa. Um ponto a se melhorar no Boteco Ferraz é ter na contracapa do cardápio um história do bar, contando o surgimento ou a criação do Boteco, por exemplo: Quem foi o tal do "Ferraz". Nós sabemos, mas vamos deixar vocês pesquisarem.... Outro ponto que eles poderiam começar a explorar mais, são as promoções. Acreditamos que falta uma divulgação maior de promoções;

Um fator que chama atenção foi a música do ambiente. Muito legal. Uma sonzeira. Não é balada. É bar. É boteco. O som ambiente é diferente de todos botecos que já fomos. Muita qualidade e bom repertório musical.

Caso você pegue o bar lotado, não fique triste. Na mesma rua tem o conceituado P.J.Clarkes, especializado em hamburguers. Uma alternativa pra lá de boa.

O estacionamento como sempre, no Itaim, é caro. Portanto a dica é dar uma rodada e parar na rua. Não é tão difícil assim.

No Boteco Ferraz vende cervejas da família heineken. Então esquece bohemia e original. Havia apenas 2 marcas de cervejas importadas: EDELWEISS (5,5 % de álcool) e MURPHY'S (4,0% de álcool). Ambas custando R$ 18,00. Pra quem já pagou R$ 14,00 no The Blue Pub, pagar R$ 18 pilas realmente é um pouco caro. Sendo que a Edelweiss era de trigo e a Murphys: Stout ou Red.

O ponto negativo com relação a cervejas ficou o fato de servirem a Murphy's no copo da Edelweiss. Ou seja tomar uma Stout no copo de uma cerveja de trigo, não dá né.

Outra coisa é que a Murphy's ideal é beber a 4ºC, mas o pessoal do Boteco Ferraz coloca a lata na geladeira/freezer. Sendo assim, acreditamos que faltou um pouco mais de conhecimento sobre cervejas para o Boteco Ferraz, digamos que faltou um Edu Passarelli do Melograno na casa.

Os preços dos petiscos estavam ótimos e não perdemos a oportunidade de experimentar um Frango Aperitivo com molho Cheddar, simplesmente espetacular e muitíssimo bem servido. O preço é na casa dos vinte reais e portanto vale muito a pena.

Como diz o próprio site do Boteco Ferraz, o boteco é um lugar ideal pra pedir uma boa bebida, um bom aperitivo e deixar a conversa rolar.
Estive lá na sexta-feira e fiquei de cara com a tranquilidade! Nem cheio, nem vazio! Atendimento bem bacana e o som dos meninos tocando sensacional. Repertório estava lindo - bom mesmo para quem está encostando nos 30.

O que matou o show dos meninos foi algumas participações especiais de umas moças. Quebrou a energia da coisa - além de que elas não cantavam tão bem quanto o moço.

Nos intervalos da banda, o DJ mandava bem, mas o som estava muito alto - super esforço para prosear com os amigos.

Nas comidinhas, tudo joia! Destaque especial para a porção de carne seca acebolada! Para quem gosta, estava um pecado! Uma delícia! =p
DJ de Boteco

Seguindo a linha do “boteco chique”, o Boteco Ferraz, aberto recentemente no Itaim, é um lugar para o happy hour dos arrumadinhos ou para esquentar o clima antes das baladas da região.

O ambiente lembra os botecos antigos da década de 50, mas deixa de lado os azulejos brancos e a luz fria, fazendo a linha meia luz com DJ tocando Amy Winehouse a meia potência. Na verdade, o Ferraz está mais para “barzinho de paquera” do que para um boteco legítimo, o que eu particularmente acho mais chique.

Por conta de uma promoção, fui conhecer o lugar para beber e conversar com minha prima, que prefere drinques a chopes e frequenta lugares mais ajambrados do que eu. Provamos a margarita frozen e a bem servida caipirinha de frutas vermelhas com vodka.

Os bolinhos de bobó de camarão bem sequinhos revelavam um creme muito saboroso. Na sequência, resolvemos experimentar a porção de queijo coalho grelhado, que acompanhava mel e limão. Ótima idéia parar quebrar o sabor do queijo.

Depois de brigar com o canudinho da fronzen margarita parti para o chope, que era bem tirado, mas certamente seria melhor se não fosse Sol. O atendimento é muito atencioso, com um pouco de ansiedade na hora de trocar o chope ainda inacabado.

Por volta das 22h o lugar estava bombando, com pessoas já tomando seus chopes em pé no balcão. Se quiser garantir uma mesa chegue antes das 21h.

O Ferraz também oferece buffet no almoço e apetitosas opções de pratos individuais no almoço e no jantar, seguindo um pouco a linha do Astor. O DJ felizmente tinha bom gosto musical e a idéia pode abrir caminho para os profissionais das pick-ups no segmento ‘DJ de Boteco’. Para quem não gosta de música ao vivo em bares é uma beleza.

(Post publicado originalmente no blog Braun Café em 25 de outubro de 2008)
Estive aqui no Ferraz em uma 2f por volta das 21:00. Estava bem vazio (umas 4-5 mesas com pessoas). Tomamos uma garrafa de vinho e experimentamos o filet gorgonzola e um sanduiche de filet de frango empanado (que teoricamente viria com tomate, mas, nesse dia, o tomate estava em falta :( O ambiente é ok e há um telão para assistir jogos de futebol. O mezanino tem uma decoração mais descolada e, quando o bar estiver cheio, pode ser uma boa pedida pois tem boa vista para o telão (não precisa ficar olhando para cima) e ainda fica próximo aos WCs.

Nota geral Você conhece o Boteco Ferraz? Escreva uma opinião! Dê sua nota!
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota
Título da opinião

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)